A educação física na saúde mental: construindo uma formação na perspectiva interdisciplinar

A educação física na saúde mental: construindo uma formação na perspectiva interdisciplinar

Título alternativo Physical education in mental health: constructing development from an interdisciplinary perspective
La educación física en la salud mental: construcción de una formación interdisciplinaria
Autor Roble, Odilon José Google Scholar
Moreira, Maria Inês Badaró Autor UNIFESP Google Scholar
Scagliusi, Fernanda Baeza Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo This study aimed to analyze an experience in developing physical educators as mental health practitioners, within an interdisciplinary team. The investigation took place in the second semester of 2009, in a psychosocial support center in Santos, state of São Paulo, Brazil. The projects and reports produced by the students were used as investigation materials. Their most significant excerpts were extracted, grouped according to their key messages, and discussed. This was qualitative data gathering that generated a reflective essay. Three key themes were identified: a tendency towards a sedentary lifestyle among the users; possibilities of actions for physical educators; and mutual significant learning. Physical educators appeared as interlocutors in the therapeutic dialogue: people who came to talk about the body or to the body of the human being affected by mental distress. Our results corroborate the importance of these professionals in this context and unveil new horizons for this intervention.

Este estudio tuvo como objetivo analizar una experiencia de formación del educador físico como profesional de salud mental, en un equipo interdisciplinario. La investigación se produjo en 2009, en un Centro de Apoyo Psico-social en Santos, Estado de São Paulo, Brasil. Se utilizaron como materiales de análisis proyectos e informes elaborados por los estudiantes. Los pasajes más significativos fueron agrupados por temas clave, y se discutidos. Se trataba de una recopilación de datos cualitativos, con un ensayo reflexivo sobre el tema. Se identificaron tres temas principales: tendencia a la inactividad entre los usuarios, posibilidades de acción para el educador físico y el aprendizaje mutuo y significativo. El educador físico apareció como un interlocutor en el diálogo terapéutico, alguien que vino a hablar sobre el cuerpo o con el cuerpo de los seres humanos afectados por sufrimientos psíquicos. Nuestros resultados corroboran la importancia de este profesional en tal contexto y descubren nuevos horizontes para la intervención.

Este estudo objetivou analisar uma experiência de formação do educador físico como profissional de saúde mental, inserido em uma equipe interdisciplinar. A investigação ocorreu no segundo semestre de 2009, em um Núcleo de Apoio Psicossocial, em Santos, estado de São Paulo, Brasil. Foram utilizados, como materiais de análise, os projetos e relatórios produzidos pelos alunos. Os trechos mais significativos destes foram destacados, agrupados segundo tema-chave, e discutidos. Tratou-se de uma coleta de dados qualitativa, que gerou um ensaio reflexivo sobre o tema. Foram identificados três temas-chave: tendência ao sedentarismo entre os usuários; possibilidades de atuação para o educador físico, e aprendizado mútuo e significativo. O educador físico apareceu como um interlocutor no diálogo terapêutico, alguém que veio conversar sobre o corpo ou com o corpo do ser humano acometido pelo sofrimento psíquico. Nossos resultados corroboram a importância deste profissional nesse contexto e descortinam novos horizontes para tal intervenção.
Palavra-chave Physical education
Human resources development
Deinstitutionalization
Mental health
Human body
Educação Física e treinamento
Formação de recursos humanos
Desinstitucionalização
Saúde mental
Corpo humano
Idioma Português
Data de publicação 2012-06-01
Publicado em Interface - Comunicação, Saúde, Educação. UNESP, v. 16, n. 41, p. 567-578, 2012.
ISSN 1414-3283 (Sherpa/Romeo)
Publicador UNESP
Extensão 567-578
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1414-32832012005000033
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1414-32832012000200021 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7168

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1414-32832012000200021.pdf
Tamanho: 162.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta