Itinerários terapêuticos: trajetórias entrecruzadas na busca por cuidados

Itinerários terapêuticos: trajetórias entrecruzadas na busca por cuidados

Título alternativo Therapeutic itineraries: paths crossed in the search for care
Itinerarios terapéuticos: trayectorias que se cruzan en la búsqueda de atención
Autor Pinho, Paula Andréa Autor UNIFESP Google Scholar
Pereira, Pedro Paulo Gomes Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The general purpose of this paper is to present the therapeutic itineraries of HIV-positive people. These courses, consisting of unusual blends and compositions, reveal the complex ways in fighting HIV/AIDS taken by people who undergo therapies trying to restore or preserve health. Admitting the existence of numerous available treatments, we analyze the itineraries of therapies known as being of the religious type in their relation to the biomedical model. Ethnography revealed that the interlocutors do not separate the religious and the biomedical therapy on different levels. What stood out was the simultaneous interaction of the two solutions employed for the same purpose: health. It was possible to observe a therapeutic continuum, i.e., the options are not isolated; rather, they appear as consecutive parts that flow without clearly demarcated boundaries.

El propósito general de este texto es mostrar los itinerarios terapéuticos recorridos por VIH-positivos. Estos cursos, constituidos por inusuales mezclas y composiciones, revelan caminos complejos en la lucha contra el VIH/SIDA, de personas que pasan a través de terapias en un intento de restaurar o conservar la salud. Suponiendo la existencia de numerosos tratamientos disponibles, nos esforzamos por analizar los itinerarios de las terapias denominadas por ellas de tipo religioso en su relación con el modelo biomédico. La etnografía reveló que los interlocutores no separan la terapia biomédica de la religiosa en diferentes planos. Se destacó la interacción simultánea de las dos soluciones agenciadas para el mismo fin: la salud. Fue posible observar un continuum terapéutico, es decir, las opciones no se separan: aparecen como partes consecutivas que fluyen sin fronteras claramente delimitadas.

A proposta geral deste texto é apresentar os itinerários terapêuticos percorridos por sujeitos soropositivos. Esses percursos, constituídos por inusitadas mesclas e composições, revelam caminhos complexos no enfrentamento do HIV/aids, de pessoas que transitam por terapias numa tentativa de restabelecerem ou preservarem a saúde. Admitindo a existência de numerosas terapias disponíveis, nos empenhamos em analisar os itinerários de terapias por elas denominadas de tipo religiosa, na sua relação com o modelo biomédico. A etnografia revelou que as interlocutoras não separam a terapia biomédica da religiosa em planos distintos. O que sobressaía era a interação concomitante das duas soluções agenciadas com o mesmo propósito: a saúde. Foi possível observar um continuum terapêutico, ou seja, as opções não se isolam: antes, apresentam-se como partes consecutivas que fluem sem limites claramente delimitados.
Palavra-chave Therapeutic itineraries
Aids
Biomedicine
Religion
Iitinerários terapêuticos
Aids
Biomedicina
Religião
Idioma Português
Data de publicação 2012-06-01
Publicado em Interface - Comunicação, Saúde, Educação. UNESP, v. 16, n. 41, p. 435-450, 2012.
ISSN 1414-3283 (Sherpa/Romeo)
Publicador UNESP
Extensão 435-450
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1414-32832012005000026
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1414-32832012000200012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7161

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1414-32832012000200012.pdf
Tamanho: 172.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta