Retinite idiopática, vasculite, aneurismas e neurorretinite (IRVAN): relato de caso

Retinite idiopática, vasculite, aneurismas e neurorretinite (IRVAN): relato de caso

Título alternativo Idiopathic retinal, vasculitis, aneurysms and neuroretinitis (IRVAN): case report
Autor Rodrigues, Kelly Fernandes de Paula Autor UNIFESP Google Scholar
Lima, Verônica Castro Autor UNIFESP Google Scholar
Arantes, Tiago Eugênio Faria e Autor UNIFESP Google Scholar
Matos, Kimble Teixeira Fonseca Autor UNIFESP Google Scholar
Muccioli, Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo A case of a 14 year-old boy that was admitted complaining of bilateral ocular visual blurring for 2 years is reported. The ophthalmological examination disclosed bilateral mild optic disc hyperemia and swelling, retinal exudation, few retinal hemorrhages, multiple aneurysms, as well as vasculitis. Fluorescein angiography showed extensive peripheral retinal ischemia, dilatations and hyperfluorescence of the vessels walls, and leakage of the optic disc in the late phases in both eyes. This rare case represents an entity characterized by peripheral retinal vascular occlusion, retinal vasculitis, multiple posterior retinal aneurysms, and neuroretinitis (IRVAN). Systemic evaluation and laboratory work-up did not suggest any systemic abnormality. Panretinal laser photocoagulation was performed in both eyes, and the patient was treated with oral prednisone with maintenance of the visual acuity after 1 year of follow-up. Laser treatment should be considered when angiographic evidence of widespread retinal no perfusion is present, and before the development of signs of retinal neovascularization.

Relatamos caso de um paciente de 14 anos, sexo masculino, que foi admitido com queixa de embaçamento visual bilateral há dois anos. Ao exame oftalmológico observou-se leve hiperemia e edema de disco óptico bilateral, exsudação retiniana, poucas hemorragias retinianas, múltiplos aneurismas, assim como sinais de vasculite. A angiofluoresceinografia demonstrou isquemia periférica extensa, dilatações e hiperfluorescência das paredes dos vasos, e vazamento tardio do disco óptico nas fases finais do exame em ambos os olhos. Este caso representa uma rara entidade caracterizada por oclusão retiniana vascular periférica, vasculite retiniana, múltiplos aneurismas retinianos e neurorretinite (IRVAN). Avaliação sistêmica e laboratorial não revelaram nenhuma anormalidade. O paciente foi submetido à panfotocoagulação de retina com laser de argônio em ambos os olhos, e iniciado tratamento com prednisona via oral, com manutenção da acuidade visual de 20/25 depois de um ano de acompanhamento. O tratamento com laser deve ser considerado quando houver qualquer evidência angiográfica de má perfusão retiniana, e antes do desenvolvimento de qualquer sinal de neovascularização de retina.
Palavra-chave Uveitis
Retinitis
Aneurysm
Retinal vasculitis
Fluorescein angiography
Glucocorticoids
Syndrome
Humans
Male
Adolescent
Case reports
Uveíte
Retinite
Aneurisma
Vasculite retiniana
Angiofluoresceinografia
Glucocorticoides
Síndrome
Humanos
Masculino
Adolescente
Relato de casos
Idioma Português
Data de publicação 2012-04-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 75, n. 2, p. 140-142, 2012.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 140-142
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492012000200015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000310841600015
SciELO S0004-27492012000200015 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7072

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492012000200015.pdf
Tamanho: 431.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta