Avaliação do padrão de recuperação nutricional de crianças desnutridas atendidas no centro de recuperação e educação nutricional

Avaliação do padrão de recuperação nutricional de crianças desnutridas atendidas no centro de recuperação e educação nutricional

Título alternativo Pattern of nutritional recovery in malnourished children
Autor Vieira, M. De F. A. Autor UNIFESP Google Scholar
Solymos, G.m.b. Autor UNIFESP Google Scholar
Souza, M. H. Do N. Autor UNIFESP Google Scholar
Ferrari, A.a. Autor UNIFESP Google Scholar
Unegbu, H. Autor UNIFESP Google Scholar
Sawaya, Ana Lydia Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To assess the pattern of nutritional recovery in malnourished children. This prospective analysis was conducted between September 1995 and November 1996 at the Center for Recovery and Nutrition Education (CREN) in São Paulo, Brazil. Of the thirty-eight children studied, 47.4% were infants (nine girls and nine boys) and 52.6% preschool children (twelve boys and eight girls). METHOD: Thirty eight children were studed by velocity of W/A and H/A gain in standard deviation or Z score, according to weight and height median of NCHS. RESULTS: There was a statistically significant increase in the weight-for-age (W/A)(p=0.012), height-for-age (H/A) ( p=0.001) from the time of admission.The difference in the velocity of W/A gain between infants (0.299-Z/year) and preschool children (0.684-Z/year) with more than six months of treatment, was found to be statistically significant (p=0.038). The difference in the velocity of H/A gain for infants (0.794-Z/year) and for preschool chidren (0.506-Z/year), was not statistically significant (p=0.166). In regards to gender, there was not a statistically significant difference between boys and girls in the velocity of W/A gain (0.540 and 0.524-Z/year, respectively). The difference in velocity of H/A gain was statisically significant, 0.485-Z/year for boys and 0.856-Z/year for girls (p=0.043). CONCLUSION: These findings show that there are differences in the nutritional recovery patterns between gender and age groups.

Estudo de acompanhamento do padrão de recuperação nutricional de crianças desnutridas atendidas no Centro de Recuperação e Educação Nutricional (CREN), entre setembro de 1995 e novembro de 1996. OBJETIVO: Avaliar a recuperação nutricional das crianças em termos de velocidade de ganho anual de peso/idade e estatura/idade e identificar variações do processo de recuperação de acordo com o sexo e a idade. MÉTODOS: Foram estudadas 38 crianças, utilizando-se os valores do incremento de peso/idade e estatura/idade em unidades de desvio padrão ou escore Z, em relação à mediana de peso e estatura do padrão NCHS, pelo método da velocidade de crescimento por incremento. RESULTADOS: Houve uma relação significante entre ganhos de peso/idade (P=0,012) e estatura/idade (P=0,001) e tempo de internação. Os pré-escolares tiveram uma velocidade de ganho de peso/idade significantemente maior (0,684 escores Z/ano) que os lactentes (0,299 escores Z/ano), excluídas as crianças com menos de seis meses de internação. Em relação à velocidade de ganho de estatura/idade, os lactentes apresentaram um ganho maior (0,794 escores Z/ano) em relação aos pré-escolares( 0,506 escores Z/ano), embora a diferença não tenha sido estatisticamente significante. Entre os sexos, a velocidade de ganho de peso/idade foi 0,540 e 0,524 escores Z/ano para meninos e meninas, respectivamente. Quanto à velocidade de ganho de estatura/idade as meninas apresentaram um ganho significantemente maior (0,856 escores Z/ano) que os meninos (0,485 escores Z/ano). CONCLUSÃO: O presente trabalho evidenciou que existem diferenças no padrão de velocidade de recuperação nutricional de acordo com a idade e sexo.
Palavra-chave Nutrition rehabilitation
Protein-energy malnutrition
Anthropometry
Recuperação nutricional
Desnutrição protéico-energética
Crescimento
Antropometria
Idioma Português
Data de publicação 1998-12-01
Publicado em Revista da Associação Médica Brasileira. Associação Médica Brasileira, v. 44, n. 4, p. 294-300, 1998.
ISSN 0104-4230 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Médica Brasileira
Extensão 294-300
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42301998000400008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-42301998000400008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/707

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-42301998000400008.pdf
Tamanho: 185.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta