Efetividade do exercício físico na insuficiência renal crônica

Efetividade do exercício físico na insuficiência renal crônica

Título alternativo Effectiveness of physical exercise in chronic renal failure
Autor Nascimento, Leilane Cristielle de Alencar Google Scholar
Coutinho, Érika Bona Google Scholar
Silva, Kelson Nonato Gomes da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Estadual do Piauí
Centro Universitário de Maringá
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo INTRODUCTION: Physical activity in nephropathy patients submitted to hemodialysis becomes important since these patients presents marked reduction in the functionality and conditioning that impairs life quality. However, the benefits, the most appropriate type of exercise and parameters such as intensity, frequency and duration are not well defined in this population. OBJECTIVES: To review the literature about the effects of physical exercise in chronic renal patients submitted to hemodialysis. MATERIALS AND METHODS: MEDLINE, LILACS, PEDro, PubMed and SciELO bases were searched, being selected articles (clinical randomized controlled trials, series of case and case study) in languages, English and Portuguese, published between 2000 and 2010. RESULTS: 105 articles were found, 82 from PubMed database, 16 from PEDro and 7 from SciELO base. No articles were found in MEDLINE and LILACS bases. From these ones, only seven fulfilled the inclusion criteria. From these seven articles, an active manual search was held in the list of references of these publications, being possible to verify in them the presence of only three references. CONCLUSION: By the reviewed articles it was possible to conclude that either aerobic and/or physical exercise have incremental effects on functional capacity, muscle function and life quality of nephropathy patients submitted to hemodialysis. Therefore, physical training should be considered as an important therapeutic modality, being central the insertion of the physiotherapist in dialysis centers as part of a multidisciplinary team.

INTRODUÇÃO: O exercício físico em nefropatas submetidos à hemodiálise se faz importante, uma vez que esses pacientes apresentam acentuada redução da funcionalidade e do condicionamento, o que interfere negativamente na qualidade de vida. Contudo, os benefícios, o tipo de exercício mais adequado e parâmetros como intensidade, frequência e duração não estão bem esclarecidos para essa população. OBJETIVOS: Realizar uma revisão de literatura sobre a influência do exercício físico em pacientes renais crônicos submetidos à hemodiálise. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram realizadas buscas nas bases MEDLINE, LILACS, PEDro, SciELO e PubMed, sendo selecionados artigos (ensaios clínicos controlados randomizados, séries de casos e estudos de caso) nos idiomas inglês e português, publicados entre 2000 e 2010. RESULTADOS: Foram encontrados 105 artigos, sendo 82 da base de dados PubMed, 16 da base PEDro e 7 da base SciELO. Não foram encontrados artigos nas bases MEDLINE e LILACS. Desses, apenas sete preenchiam aos critérios de inclusão. A partir desses sete artigos, realizou-se busca manual ativa na lista de referências dessas publicações, nas quais foi possível verificar a presença de apenas três referências. CONCLUSÃO: Pôde-se concluir, por meio dos artigos revisados, que os exercícios físicos, seja aeróbico e/ou de resistência, possuem efeitos incrementais na capacidade funcional, função muscular e qualidade de vida de nefropatas submetidos à hemodiálise. Portanto, o treinamento físico deve ser considerado como uma modalidade terapêutica importante, sendo fundamental a inserção do fisioterapeuta nos centros dialíticos, fazendo parte de uma equipe multidisciplinar.
Palavra-chave Hemodialysis
Aerobic exercise
Quality of life
Hemodiálise
Exercício aeróbico
Qualidade de vida
Idioma Português
Data de publicação 2012-03-01
Publicado em Fisioterapia em Movimento. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, v. 25, n. 1, p. 231-239, 2012.
ISSN 0103-5150 (Sherpa/Romeo)
Publicador Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Extensão 231-239
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502012000100022
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0103-51502012000100022 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7004

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-51502012000100022.pdf
Tamanho: 645.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta