Religious/spiritual coping in institutionalized elderly

Religious/spiritual coping in institutionalized elderly

Título alternativo Coping religiosos y espirituales de los ancianos institucionalizados
Coping religioso/espiritual de idosos institucionalizados
Autor Vitorino, Luciano Magalhães Google Scholar
Vianna, Lucila Amaral Carneiro Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate the spiritual/religious coping (SRC) of elderly of two institutions of long-stay for elderly, from two towns Pouso Alegre and Santa Rita in south of Minas Gerais state Brazil and to correlate the SRC with personal characteristics. METHODS: The work is based on epidemiological and analytical cross-sectional design method with nonprobability sampling and sample of 77 elderly. The instruments used are characterization staff which consists of 15 multiple choice questions, scale of two dimensions SRC, SRC positive and SRC negative. RESULTS: both groups were balanced between the sexes, by the average age of 76 years old, 81.6 % did not complete primary education and 96.1 % practiced a religion. There was a high use of the SRC total average use and showed higher scores with age and time of residence and SRC Total. CONCLUSION: final analyses of the data demonstrated that the elderly uneducated and with religion presented SRC strategies so high and positive.

OBJETIVOS: Evaliar el coping religioso/espiritual (CRE) de los instituciones de ancianos em Pouso Alegre y Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais y correlacionar La CRE con características personales. METODOS: estudio epidemiológico, transversal analítico com El deseñ de muestreo no probabilístico y La muestra de 77 ancianos. Instrumentos: 1- caracterizacion 1) Caracterización del personal se compone de 15 preguntas de opción múltiple, 2) a gran escala con dos dimensiones CRE, CRE positivo y negativo. RESULTADOS: Ambos grupos fueron equilibrados entre los sexos, con edad promedio 76,6 años, 81,6% no completó la educación primaria, el 96,1% practica una religión. Hubo un alto uso de la CRE Total y mostraron mayores puntuaciones con las variables edad y tiempo de residencia y cree total. Las variables correlacionadas con la escala y factores. CONCLUSIÓN: Los mayores, sin educación y la religión se presentan las estrategias de CRE tan alto y positivo para las dificultades experimentadas en el proceso de institucionalización.

OBJETIVOS: Avaliar o coping religioso/espiritual (CRE) de idosos residentes em duas instituições de longa permanência; e correlacionar o CRE com características sociodemográficas e de saúde. MÉTODOS: Estudo epidemiológico, analítico com desenho transversal, amostragem não probabilística e amostra de 77 idosos. Na coleta de dados, realizada entre junho e agosto de 2010, foram utilizados dois instrumentos: caracterização pessoal constituída por questões fechadas; e a Escala CRE com duas dimensões, CRE Positivo e CRE Negativo. RESULTADOS: Os idosos apresentaram distribuição equilibrada entre os gêneros, média de idade 76,6 anos; 81,6% não possuíam Ensino Fundamental completo; 96,1% praticavam uma religião. Foi alta a utilização do CRE total e evidenciou maiores pontuações com as variáveis, idade e tempo de moradia e CRE Total. CONCLUSÃO: O mais velhos, sem escolaridade e com religião apresentaram estratégias do CRE de forma elevada e positiva para as adversidades vivenciadas no processo de institucionalização.
Palavra-chave Aged
Homes for the aged
Spirituality
Religion and science
Idoso
Instituição de longa permanência para idosos
Espiritualidade
Religião e ciência
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Data de publicação 2012-01-01
Publicado em Acta Paulista de Enfermagem. Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), v. 25, n. spe1, p. 136-142, 2012.
ISSN 0103-2100 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 136-142
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002012000800021
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000320891300021
SciELO S0103-21002012000800021 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6929

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-21002012000800021-en.pdf
Tamanho: 516.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S0103-21002012000800021-pt.pdf
Tamanho: 516.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta