Processamento temporal, localização e fechamento auditivo em portadores de perda auditiva unilateral

Processamento temporal, localização e fechamento auditivo em portadores de perda auditiva unilateral

Título alternativo Temporal processing, localization and auditory closure in individuals with unilateral hearing loss
Autor Nishihata, Regiane Autor UNIFESP Google Scholar
Vieira, Márcia Ribeiro Autor UNIFESP Google Scholar
Pereira, Liliane Desgualdo Autor UNIFESP Google Scholar
Chiari, Brasilia Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To assess the behaviors of temporal resolution and temporal ordering, sound localization, and auditory closure, and to investigate possible associations with complaints of learning, communication and language difficulties in individuals with unilateral hearing loss. METHODS: Participants were 26 individuals with ages between 8 and 15 years, divided into two groups: Unilateral hearing loss group; and Normal hearing group. Each group was composed of 13 individuals, matched by gender, age and educational level. All subjects were submitted to anamnesis, peripheral hearing evaluation, and auditory processing evaluation through behavioral tests of sound localization, sequential memory, Random Detection Gap test, and speech-in-noise test. Nonparametric statistical tests were used to compare the groups, considering the presence or absence of hearing loss and the ear with hearing loss. RESULTS: Unilateral hearing loss started during preschool, and had unknown or identified etiologies, such as meningitis, traumas or mumps. Most individuals reported delays in speech, language and learning developments, especially those with hearing loss in the right ear. The group with hearing loss had worse responses in the abilities of temporal ordering and resolution, sound localization and auditory closure. Individuals with hearing loss in the left ear showed worse results than those with hearing loss in the right ear in all abilities, except in sound localization. CONCLUSION: The presence of unilateral hearing loss causes sound localization, auditory closure, temporal ordering and temporal resolution difficulties. Individuals with unilateral hearing loss in the right ear have more complaints than those with unilateral hearing loss in the left ear. Individuals with hearing loss in the left ear have more difficulties in auditory closure, temporal resolution, and temporal ordering.

OBJETIVO: Avaliar os comportamentos de resolução e ordenação temporal, localização sonora e fechamento auditivo e investigar queixas de dificuldades escolares, de comunicação e linguagem em indivíduos portadores de perda auditiva unilateral. MÉTODOS: Participaram 26 indivíduos com idades entre 8 e 15 anos, divididos em dois grupos: Grupo com perda auditiva unilateral; e Grupo sem perda auditiva. Cada um deles foi constituído por 13 indivíduos que foram pareados conforme gênero, idade e escolaridade. Todos foram submetidos à anamnese, avaliação auditiva periférica e aos testes comportamentais de localização, memória sequencial, teste Random Gap Detection e ao teste de fala com ruído branco da avaliação do processamento auditivo. Foram utilizados testes estatísticos não paramétricos para comparar as repostas entre os grupos, considerando presença ou não da perda auditiva e o lado da orelha com perda. RESULTADOS: O início da perda ocorreu na fase pré-escolar, com etiologias desconhecidas ou identificadas como meningite, traumas ou caxumba. A maior parte dos indivíduos relatou atraso no desenvolvimento de fala, linguagem e escolar, principalmente aqueles com perda à direita. O grupo com perda auditiva apresentou piores respostas nas habilidades de ordenação e resolução temporal, localização sonora e fechamento auditivo. Indivíduos com perda à esquerda mostraram resultados piores do que aqueles com perda à direita em todas as habilidades, exceto na localização sonora. CONCLUSÃO: Na presença da perda auditiva unilateral ocorrem dificuldades de localização, fechamento, resolução e ordenação temporal. Indivíduos com perda auditiva unilateral à direita apresentam mais queixas do que aqueles com perda à esquerda. Indivíduos com perda à esquerda mostram mais dificuldade de fechamento, resolução e ordenação temporal.
Palavra-chave Hearing
Hearing loss
Auditory perception
Hearing tests
Language
Audição
Perda auditiva
Percepção auditiva
Testes auditivos
Linguagem
Idioma Português
Data de publicação 2012-01-01
Publicado em Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 17, n. 3, p. 266-273, 2012.
ISSN 1516-8034 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Extensão 266-273
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342012000300006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1516-80342012000300006 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6882

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-80342012000300006.pdf
Tamanho: 381.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta