Estudo prospectivo randomizado entre as fixações transversas e extracorticais nas reconstruções do ligamento cruzado anterior

Estudo prospectivo randomizado entre as fixações transversas e extracorticais nas reconstruções do ligamento cruzado anterior

Título alternativo Randomized prospective study comparing transverse and extracortical fixation in anterior cruciate ligament reconstruction
Autor Guarilha, Eduardo Da Silva Google Scholar
Caldeira, Paulo Roberto De Andrade Fígaro Google Scholar
Lira Neto, Ozorio De Almeida Autor UNIFESP Google Scholar
Navarro, Marcelo Schmidt Google Scholar
Milani, Antonio Google Scholar
Carneiro Filho, Mario Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Hospital IFOR
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Medicina do ABC Grupo de Traumatologia Esportiva
Resumo OBJECTIVE: This study had the objective of prospectively comparing transverse fixation (Cross-PinTM) with extracortical fixation (EZLocTM) for the femur, in surgical reconstruction of the anterior cruciate ligament, from a clinical, biomechanical and functional point of view. METHODS: Between April 2007 and November 2009, 50 patients with acute or chronic anterior cruciate ligament injuries underwent arthroscopic reconstruction using the homologous flexor tendons (gracilis and semitendinosus). Randomization of the femoral fixation method was done by means of a draw at the time of the procedure. Patients were excluded if they presented multiple ligament lesions, fractures, previous surgery, autoimmune disease and impairment of the contralateral knee. The Lysholm scale, SF36 quality-of-life questionnaire and KT1000TM arthrometer were used. RESULTS: After a mean follow-up of 18.1 months, there were no statistically significant differences between the groups regarding the Lysholm scale and KT1000TM measurements. However, the SF36 questionnaire showed a statistical difference such that transverse fixation was superior regarding pain and vitality. CONCLUSION: Both techniques were shown to be efficient for transfemoral fixation, but with almost no statistically significant difference between them. We believe that new studies will be necessary for better understanding of these differences.

OBJETIVO: Comparar prospectivamente as fixações transversas (Cross-PinTM) com as extracorticais (EZLocTM) no fêmur nas reconstruções cirúrgicas do ligamento cruzado anterior sob o ponto de vista clínico, biomecânico e funcional. MÉTODOS: Entre abril de 2007 e novembro de 2009, 50 pacientes com lesões do ligamento cruzado anterior, agudas e crônicas, foram submetidos à reconstrução por abordagem artroscópica utilizando os tendões flexores homólogos (grácil e semitendíneo). A randomização do método de fixação femoral ocorreu por meio de sorteio no momento da cirurgia. Excluímos os pacientes portadores de lesões ligamentares múltiplas, fraturas, cirurgias prévias, doenças autoimunes e comprometimento do membro contralateral. Foram utilizadas as escalas de Lysholm, o questionário qualidade de vida SF-36 e o artrômetro KT-1000TM. RESULTADOS: Após 18,1 meses, em média, não foram observadas diferenças estatisticamente significantes entre os grupos quanto utilizadas as escalas de Lysholm e as medidas do KT-1000TM. Quanto aos resultados do SF-36, observamos diferença significante com superioridade da fixação transversa considerando a dor e a vitalidade. CONCLUSÃO: As duas técnicas mostraram ser eficientes na fixação transfemoral com tendões flexores, porém quase sem nenhuma diferença estatística significante. Entendemos que novos estudos serão necessários para melhor entendimento dessas diferenças.
Palavra-chave Anterior Cruciate Ligament
Arthroscopy
Prospective Studies
Ligamento Cruzado Anterior
Artroscopia
Estudos Prospectivos
Idioma Português
Data de publicação 2012-01-01
Publicado em Revista Brasileira de Ortopedia. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 47, n. 3, p. 354-358, 2012.
ISSN 0102-3616 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia
Extensão 354-358
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-36162012000300013
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-36162012000300013 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6853

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-36162012000300013.pdf
Tamanho: 272.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta