Análise dos sintomas de overtraining durante os períodos de treinamento e recuperação: estudo de caso de uma equipe feminina da Superliga de Voleibol 2003/2004

Exibir registro simples

dc.contributor.author Noce, Franco [UNIFESP]
dc.contributor.author Costa, Varley Teoldo da
dc.contributor.author Simim, Mário Antônio de Moura
dc.contributor.author Castro, Henrique de Oliveira
dc.contributor.author Samulski, Dietmar Martin
dc.contributor.author Mello, Marco Tulio de [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-06-14T13:43:25Z
dc.date.available 2015-06-14T13:43:25Z
dc.date.issued 2011-12-01
dc.identifier http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922011000600005
dc.identifier.citation NOCE, Franco et al . Analysis of overtraining symptoms during training and rehabilitation periods: a case study of Superleague women´s volleyball team 2003/2004. Rev Bras Med Esporte, São Paulo , v. 17, n. 6, p. 397-400, dez. 2011
dc.identifier.issn 1517-8692
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6756
dc.description.abstract Overtraining is a process involving progressively increased training to a high absolute level that is in excess of more routine training undertaken to maintain performance. However, its excessive increase may impair the physical and mental health of the athlete. The aim of this study was to keep up with levels of stress and recovery of volleyball athletes during the Brazilian Super League 2003/2004. 16 athletes (23,63 ± 6,40 years) were evaluated during two periods, training and rest by answering a stress and recovery questionnaire (RESTQ-Sport-76). Stress levels were measured through the scales 1 to 7 (general stress) and 13 to 15 (stress sports). Its results showed significant differences between perceptions of athletes in all scales (p<0,05) during training and rest. Levels of sports and general recoveries are known through nine scales. In five of them (9, 10, 11, 12 and 16) there were significant differences (p<0,05) and in four, (8, 13, 14 and 15) there were low recovery by the athletes. The conclusion is that RESTQ-Sport-76 was able to assess stress and recovery levels in volleyball athletes and this group demonstrated low recovery during training period. en
dc.description.abstract O overtraining é um sintoma de instabilidade psicofisiológico prejudicial à saúde física e mental dos atletas que ocorre devido ao desequilíbrio entre o estresse (carga de treinamento) e os períodos de recuperação (descanso das atividades esportivas - folga). O objetivo deste estudo foi monitorar os níveis de estresse e recuperação de uma equipe feminina de voleibol de alto rendimento durante uma competição nacional. Foram avaliadas 16 atletas (23,63 ± 6,40 anos) através do Questionário de Estresse e Recuperação (RESTQ-Sport-76), durante dois períodos distintos da periodização denominados de treinamento e folga. Em relação às duas dimensões de estresse, geral (escalas de 1 a 7) e no esporte (escalas de 13 a 15), foram encontradas diferenças significativas (p < 0,05) nas duas dimensões, quando comparados os períodos de treinamento e folga. Das nove escalas que avaliam a recuperação geral e a recuperação no esporte, em cinco delas (números 9, 10, 11, 12 e 16) foram encontradas diferenças significativas (p < 0,05). E em quatro escalas (números 8, 13, 14 e 15) as atletas continuavam a demonstrar uma baixa recuperação. Conclui-se, dessa forma, que todos os indicadores de estresse se elevaram no período de treinamento, e que alguns marcadores de recuperação, como sucesso, aceitação pessoal, autoeficácia e autorregulação apontaram baixos níveis de recuperação nesta equipe durante a temporada. pt
dc.format.extent 397-400
dc.language.iso por
dc.publisher Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte
dc.relation.ispartof Revista Brasileira de Medicina do Esporte
dc.rights Acesso aberto
dc.subject stress en
dc.subject high performance en
dc.subject athletes en
dc.subject estresse pt
dc.subject autorrendimento pt
dc.subject atletas pt
dc.title Análise dos sintomas de overtraining durante os períodos de treinamento e recuperação: estudo de caso de uma equipe feminina da Superliga de Voleibol 2003/2004 pt
dc.title.alternative Analysis of overtraining symptoms during training and rehabilitation periods: a case study of Superleague women´s volleyball team 2003/2004 en
dc.type Artigo
dc.contributor.institution Centro Universitário de Belo Horizonte Laboratório de Psicologia do Esporte
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.contributor.institution Universidade Federal de Minas Gerais Laboratório de Psicologia do Esporte
dc.description.affiliation Centro Universitário de Belo Horizonte Laboratório de Psicologia do Esporte
dc.description.affiliation Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) Centro de Estudos de Psicobiologia e Exercício Departamento de Psicobiologia
dc.description.affiliation Universidade Federal de Minas Gerais Laboratório de Psicologia do Esporte
dc.description.affiliationUnifesp UNIFESP, Centro de Estudos de Psicobiologia e Exercício Depto. de Psicobiologia
dc.identifier.file S1517-86922011000600005.pdf
dc.identifier.file S1517-86922011000600005-pt.pdf
dc.identifier.scielo S1517-86922011000600005
dc.identifier.doi 10.1590/S1517-86922011000600005
dc.description.source SciELO
dc.identifier.wos WOS:000304353300006



Arquivo

Nome: S1517-86922011000600005.pdf
Tamanho: 97.85KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S1517-86922011000600005-pt.pdf
Tamanho: 109.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Exibir registro simples

Buscar


Navegar

Minha conta