Fluência e compreensão leitora em escolares com dificuldades de leitura

Fluência e compreensão leitora em escolares com dificuldades de leitura

Título alternativo Fluency and reading comprehension in students with reading difficulties
Autor Nascimento, Tânia Augusto Autor UNIFESP Google Scholar
Carvalho, Carolina Alves Ferreira de Autor UNIFESP Google Scholar
Kida, Adriana de Souza Batista Autor UNIFESP Google Scholar
Ávila, Clara Regina Brandão de Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To characterize the performance of students with reading difficulties in decoding and reading comprehension tasks as well as to investigate the possible correlations between them. METHODS: Sixty students (29 girls) from 3rd to 5th grades of public Elementary Schools were evaluated. Thirty students (Research Group - RG), ten from each grade, were nominated by their teachers as presenting evidences of learning disabilities. The other thirty students were indicated as good readers, and were matched by gender, age and grade to the RG, composing the Comparison Group (CG). All subjects were assessed regarding the parameters of reading fluency (rate and accuracy in words, pseudowords and text reading) and reading comprehension (reading level, number and type of ideas identified, and correct responses on multiple choice questions). RESULTS: The RG presented significantly lower scores than the CG in fluency and reading comprehension. Different patterns of positive and negative correlations, from weak to excellent, among the decoding and comprehension parameters were found in both groups. In the RG, low values of reading rate and accuracy were observed, which were correlated to low scores in comprehension and improvement in decoding, but not in comprehension, with grade increase. In CG, correlation was found between different fluency parameters, but none of them was correlated to the reading comprehension variables. CONCLUSION: Students with reading and writing difficulties show lower values of reading fluency and comprehension than good readers. Fluency and comprehension are correlated in the group with difficulties, showing that deficits in decoding influence reading comprehension, which does not improve with age increase.

OBJETIVO: Caracterizar o desempenho de escolares com dificuldade de leitura, em tarefas de decodificação e compreensão leitora e buscar correlações entre ambas. MÉTODOS: Foram avaliados 60 escolares (29 meninas) que cursavam do 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental na rede pública do município de São Paulo. Trinta escolares (Grupo Pesquisa - GP), dez de cada ano, foram indicados por seus professores por apresentarem queixas ou indícios de dificuldades de leitura. Outros trinta, indicados como bons leitores, pareados por gênero, idade e escolaridade ao GP, compuseram o Grupo de Comparação (GC). Todos os escolares foram avaliados quanto aos parâmetros de fluência de leitura de itens isolados (palavras e pseudopalavras) e texto, e de compreensão leitora de texto narrativo (nível de leitura, número e tipo de ideias identificadas, acertos às questões de múltipla escolha). RESULTADOS: O GP apresentou valores de fluência e compreensão leitoras mais baixos que o GC. Diferentes padrões de correlações positivas e negativas, de fracas a ótimas, entre os parâmetros de decodificação e compreensão foram encontradas nos dois grupos. No GP foram observados baixos valores de taxa e acurácia de leitura correlacionados a baixos valores de compreensão e melhora da decodificação, mas não da compreensão, conforme avançaram os anos escolares. No GC, observou-se correlação entre os diferentes parâmetros de fluência avaliados, mas nenhum desses parâmetros correlacionou-se com as variáveis de compreensão leitora. CONCLUSÃO: Os escolares com dificuldades de leitura e de escrita apresentam baixos valores de parâmetros da fluência e da compreensão leitora. Fluência e compreensão correlacionam-se no grupo com dificuldades, mostrando que as alterações da decodificação influenciam a compreensão leitora, a qual não melhora com a escolaridade.
Palavra-chave Reading
Comprehension
Learning
Public sector
Students
Leitura
Compreensão
Aprendizagem
Setor público
Estudantes
Idioma Português
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Data de publicação 2011-12-01
Publicado em Jornal da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 23, n. 4, p. 335-343, 2011.
ISSN 2179-6491 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Extensão 335-343
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S2179-64912011000400008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S2179-64912011000400008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6754

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S2179-64912011000400008.pdf
Tamanho: 204.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta