Translation, cross-cultural adaptation and validation of SinoNasal Outcome Test (SNOT): 22 to Brazilian Portuguese

Translation, cross-cultural adaptation and validation of SinoNasal Outcome Test (SNOT): 22 to Brazilian Portuguese

Título alternativo Tradução, adaptação cultural e validação do questionário Sinonasal Outcome Test (SNOT): 22 para a Língua Portuguesa (BR)
Autor Kosugi, Eduardo Macoto Autor UNIFESP Google Scholar
Chen, Vitor Guo Autor UNIFESP Google Scholar
Fonseca, Viviane Maria Guerreiro da Autor UNIFESP Google Scholar
Cursino, Milena Martins Pellogia Autor UNIFESP Google Scholar
Mendes Neto, José Arruda Autor UNIFESP Google Scholar
Gregório, Luiz Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
PUC-Sorocaba
Resumo Quality of life questionnaires have been increasingly used in clinical trials to help establish the impact of medical intervention or to assess the outcome of health care services. Among disease-specific outcome measures, SNOT-22 was considered the most suitable tool for assessing chronic rhinosinusitis and patients with nasal polyps. AIMS: To perform translation, cross-cultural adaptation and validation of the SNOT-22 to Brazilian Portuguese. METHODS: Prospective study involving eighty-nine patients with chronic rhinosinusitis or nasal polyps submitted to functional endoscopic sinus surgery, who answered the questionnaire before and after surgery. Furthermore, 113 volunteers without sinonasal disease also answered the questionnaire. Internal consistency, test-retest reliability, measure validity, responsiveness and clinical interpretability were assessed. RESULTS: Mean preoperative, postoperative and no sinonasal disease scores were 62.39, 23.09 and 11.42, respectively (p<0.0001); showing validity and responsiveness. Internal consistency was high (Cronbach's alpha = 0.9276). Reliability was sufficiently good, considering inter-interviewers (r=0.81) and intra-interviewers within a 10 to 14 day-interval (r=0.72). Surgery effect size was 1.55. Minimally important difference was 14 points; and scores up to 10 points were considered normal. CONCLUSION: The Brazilian Portuguese SNOT-22 version is a valid instrument to assess patients with chronic rhinosinusitis and nasal polyps.

Os questionários de qualidade de vida têm sido utilizados para determinar o impacto promovido por uma intervenção ou avaliar os resultados dos serviços de saúde. Dentre os questionários específicos, o SNOT-22 foi considerado o mais adequado para avaliar pacientes com rinossinusite crônica (RSC) e polipose nasossinusal (PNS). OBJETIVO: Realizar a tradução, adaptação cultural e validação do SNOT-22 para o Português Brasileiro (BR). MATERIAL E MÉTODO: Estudo prospectivo com 89 pacientes no pré e pós-operatório de cirurgia endoscópica nasossinusal por RSC ou PNS e 113 voluntários sem doença nasossinusal. RESULTADOS: O escore médio no pré-operatório foi de 62,39 pontos; no pós-operatório, de 23,09 e dos sem doença nasossinusal, de 11,42 (p<0,0001), mostrando a validade e responsividade. A consistência interna foi alta (alfa de Cronbach de 0,9276). A reprodutibilidade foi suficiente na aplicação interentrevistadores (r=0,81) e intraentrevistadores com 10 a 14 dias de intervalo (r=0,72). O tamanho de efeito da cirurgia foi de 1,55. A diferença minimamente importante foi de 14 pontos e escores até 10 pontos foram considerados como normais. CONCLUSÃO: A versão para Português Brasileiro do questionário SNOT-22 é um instrumento válido para avaliar pacientes com RSC e PNS.
Palavra-chave nasal polyps
natural orifice endoscopic surgery
quality of life
questionnaires
sinusitis
cirurgia endoscópica por orifício natural
pólipos nasais
qualidade de vida
questionários
sinusite
Idioma Inglês
Data de publicação 2011-10-01
Publicado em Brazilian Journal of Otorhinolaryngology. Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cervicofacial, v. 77, n. 5, p. 663-669, 2011.
ISSN 1808-8694 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cervicofacial
Extensão 663-669
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1808-86942011000500021
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000296229700021
SciELO S1808-86942011000500021 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6640

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1808-86942011000500021-en.pdf
Tamanho: 324.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S1808-86942011000500021-pt.pdf
Tamanho: 342.8KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta