Dementia in Parkinson's disease: a Brazilian sample

Dementia in Parkinson's disease: a Brazilian sample

Título alternativo Prevalência da demência associada à doença de Parkinson: uma amostra brasileira
Autor Baldivia, Beatriz Autor UNIFESP Google Scholar
Brucki, Sonia Maria Dozzi Google Scholar
Batistela, Silmara Autor UNIFESP Google Scholar
Esper, Juliana Carvalho Google Scholar
Augusto, Cristiano Duarte Google Scholar
Rocha, Maria Sheila Guimarães Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo To determine the prevalence of dementia associated with Parkinson's disease (PD-D) in a Brazilian sample adopting clinical and diagnostic procedures recommended by the Movement Disorders Society (MDS). Sixty-seven patients were consecutively submitted to neurological, neuropsychological and functional examinations. PD-D was established according to MDS clinical criteria (Level II) and clinical procedures for PD-D (Level I) and prevalence rate was compared between the levels adopted. Ten patients (14.9%) were diagnosed as demented by Level I criteria whereas sixteen (23.8%) were diagnosed based on Level II criteria. Level I criteria had low sensitivity in detecting PD-D (31.25%), but greater specificity (90.19). The PD-D group had significantly worse performance on all neuropsychological tests, were older (p<0.001), had an older age of onset ofdisease (p<0.01), had lower educational level (p<0.02) and had higher scores on functional scales. Current age (p=0.046) and Hoehn & Yahr score (p=0.048) were predictors for developing PD-D.

Determinar a prevalência de demência associada à doença de Parkinson (D-DP) em uma amostra brasileira, adotando os procedimentos diagnósticos e clínicos recomendados pela Movement Disorders Society (MDS). Sessenta e sete pacientes foram submetidos à avaliação neurológica, neuropsicológica e funcional. D-DP foi estabelecida de acordo com os procedimentos (Nível I) e critérios clínicos propostos pela MDS (Nível II) e a prevalência de D-DP foi comparada entre os níveis adotados. A prevalência de D-DP encontrada pelo Nível I e II, foi de 14,9% e 23,8%, respectivamente. O Nível I apresentou baixa sensibilidade em detectar D-DP (31,25%), porém, mostrou alta especificidade (90,19%). O grupo D-DP teve desempenho significativamente inferior em todas tarefas neuropsicológicas, eram mais velhos (p<0,001), mais velhos ao início da doença (p<0,01), menos escolarizados (p<0,02) e elevados escores nas tarefas funcionais. Idade atual (p=0,046) e escore no Hoehn & Yahr (p=0,048) foram apontados como preditores do desenvolvimento de D-DP.
Palavra-chave Parkinson's disease
Parkinson's disease dementia
neuropsychological evaluation
doença de Parkinson
demência associada à doença de Parkinson
avaliação neuropsicológica
Idioma Inglês
Data de publicação 2011-10-01
Publicado em Arquivos de Neuro-Psiquiatria. Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO, v. 69, n. 5, p. 733-738, 2011.
ISSN 0004-282X (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Extensão 733-738
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2011000600002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000296347200002
SciELO S0004-282X2011000600002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6617

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-282X2011000600002.pdf
Tamanho: 1.020MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta