Estudo bioquímico do glicosaminoglicano dermatam sulfato em homens adultos portadores de hérnia inguinal tipo II de Nyhus

Estudo bioquímico do glicosaminoglicano dermatam sulfato em homens adultos portadores de hérnia inguinal tipo II de Nyhus

Título alternativo Biochemical study of dermatan sulfate glycosaminoglycan in adult male patients with Nyhus type II inguinal hernia
Autor Silva, Evandro de Moraes e Google Scholar
Lopes Filho, Gaspar de Jesus Autor UNIFESP Google Scholar
Nader, Helena Bonciani Autor UNIFESP Google Scholar
Gonçalves, Rogério de Oliveira Autor UNIFESP Google Scholar
Kobayashi, Elza Yoko Autor UNIFESP Google Scholar
Dreyfuss, Juliana Luporini Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição UNIFOA
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To compare the amount of the dermatan sulfate glycosaminoglycan between male patients with Nyhus type II inguinal hernias and subjects without inguinal hernia, aged between 20 and 40 years. METHODS: Two groups were formed: One with 15 male patients with Nyhus type II inguinal hernia and aged between 20 and 40 years with ASA risk I and II, and a control group of ten individuals, also males between 20 and 40, who had died up to 24 h before. We excluded female patients, diabetic patients with connective tissue disease, smokers and surgical risk ASA III and IV. We resected a sample of 1 cm² of the transversalis fascia in the middle of the inguinal trigone, and 1 cm² of the anterior sheath of the rectus abdominis muscle in the groin for the quantification of dermatan sulfate glycosaminoglycans by densitometry after agarose gel electrophoresis. RESULTS: The amount of dermatan sulfate showed no statistically significant difference between patients with inguinal hernia and individuals without inguinal hernia in both the transverse fascia (p = 0.108) and anterior sheath of the rectus abdominis muscle (p = 0.292). CONCLUSION: There was no difference in the amount of the dermatan sulfate glycosaminoglycan among patients with Nyhus type II inguinal hernias and subjects without inguinal hernia in adult males.

OBJETIVO: Comparar a quantidade do glicosaminoglicano dermatam sulfato entre pacientes homens, portadores de hérnia inguinal tipo II de Nyhus e, indivíduos sem hérnia inguinal, com idade entre 20 e 40 anos. MÉTODOS: Foram constituídos dois grupos. Um de 15 pacientes do sexo masculino com hérnia inguinal tipo II de Nyhus e idade entre 20 e 40 anos, com risco ASA I e II, e um grupo controle com dez indivíduos, também do sexo masculino entre 20 e 40 anos, que morreram em período de até 24 h. Foram excluídos os pacientes do sexo feminino, diabéticos, portadores de doença do tecido conjuntivo, tabagistas e com risco cirúrgico ASA III e IV. Foi retirada uma amostra de 1cm² da fáscia transversal na parte intermediária do trígono inguinal, e 1cm² na bainha anterior do músculo reto abdominal na região inguinal correspondente e quantificados os glicosaminoglicanos dermatam sulfato por densitometria, após eletroforese em gel de agarose. RESULTADOS: A quantidade de dermatam sulfato não apresentou diferença estatisticamente significante entre os pacientes com hérnia inguinal e os indivíduos sem hérnia inguinal, tanto na fáscia transversal (p=0,108) quanto na bainha anterior do músculo reto abdominal (p=0,292). CONCLUSÃO: Não se encontrou diferença na quantidade do glicosaminoglicano dermatam sulfato entre os pacientes portadores de hérnia inguinal tipo II de Nyhus e indivíduos sem hérnia inguinal em homens adultos.
Palavra-chave Glycosaminoglycan
Dermatan sulfate
Extracellular matrix
Hérnia, inguinal
Glicosaminoglicano
Sulfato de dermatana
Matriz extracelular
Hérnia inguinal
Idioma Português
Data de publicação 2011-06-01
Publicado em Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Colégio Brasileiro de Cirurgiões, v. 38, n. 3, p. 167-171, 2011.
ISSN 0100-6991 (Sherpa/Romeo)
Publicador Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Extensão 167-171
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-69912011000300005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-69912011000300005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6521

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-69912011000300005.pdf
Tamanho: 35.72KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta