Ablação por cateter do flutter atrial. Caracterização eletrofisiológica da interrupção da condução pelos istmos posterior e septal

Ablação por cateter do flutter atrial. Caracterização eletrofisiológica da interrupção da condução pelos istmos posterior e septal

Título alternativo Catheter ablation of atrial flutter. Electrophysiological characterization of posterior and septal isthmus block
Autor Moreira, José Marcos Autor UNIFESP Google Scholar
Alessi, Sílvio Roberto Borges Autor UNIFESP Google Scholar
Rezende, André Gustavo Da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Prudêncio, Luis Alberto Renjel Autor UNIFESP Google Scholar
De Paola, Angelo Amato Vincenzo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: Evaluate the different types of conduction blocks obtained between inferior vena cava-tricuspid annulus (posterior isthmus) and between tricuspid annulus-coronary sinus ostium (septal isthmus) after radiofrequency (RF) catheter ablation of atrial flutter (AFL) METHODS: In 16 procedures, 14 patients (pts), 9 male, with type I AFL underwent RF ablation. Atrial activation around tricuspid annulus was performed with a 10-bipole Halo catheter (H1-2; H19-20). In sinus rhythm, isthmus conduction was evaluated during proximal coronary sinus (PCS) and low lateral right atrium (H1-2) pacing, before and after linear ablation. According to the wave front of impulse propagation we assessed absence of block (bidirectional conduction); incomplete block (bidirectional conduction with delay in one front of impulse propagation) and complete block (absence of conduction). The PCS/H1-2 interval was measured before and after ablation. RESULTS: Complete isthmus block was achieved in 7 (44%) and incomplete block in 4 (25%) procedures. Conduction block was not achieved in 5 procedures. At a mean follow-up of 12 months, there were no recurrences in the pts with complete block, whereas AFL recurred in the 6 pts with incomplete or no conduction block (p<0.001). Pts with complete block had deltaPCS/H1-2 interval (74.0 ± 26.0ms) greater than incomplete (30.5 ± 7.5ms) or absent block (p<0.05). CONCLUSION: The verification of complete isthmus conduction block with atrial multipolar mapping is an effective strategy to assess electrophysiological success and absence of late recurrence in common atrial flutter ablation.

OBJETIVO: Avaliar os tipos de bloqueio obtidos nos istmos posterior (entre o anel tricuspídeo e veia cava inferior) e septal (entre o anel tricuspídeo e óstio do seio coronário), após ablação do flutter atrial (FLA). MÉTODOS: Foram submetidos à ablação por radiofreqüência (RF) 14 pacientes com FLA tipo I (9 homens) em 16 procedimentos. A ativação atrial ao redor do anel tricuspídeo foi avaliada em ritmo sinusal utilizando-se cateter Halo com 10 pares de eletrodos (H1-2 a H19-20), durante estimulação do seio coronário proximal (SCP) e região póstero-lateral do átrio direito (H1-2), antes e após ablações lineares. De acordo com a frente de programação do impulso definiu-se: ausência de bloqueio (condução bidirecional), bloqueio incompleto (condução bidirecional com retardo num dos sentidos) e bloqueio completo (ausência de condução pelo istmo). O intervalo desta ativação (deltaSCP/H1-2) foi analisado. RESULTADOS: Bloqueio completo foi obtido em 7 procedimentos (44%) e incompleto em 4 (25%). O deltaSCP/H1-2 foi de 74 ± 26ms no primeiro grupo e de 30,5 ± 7,5ms no segundo (p<0,05). Em 5 casos não demonstrou-se bloqueio. Num seguimento médio de 12 meses, ocorreu recorrência do FLA nos 6 pacientes com bloqueio incompleto ou ausente e em nenhum com bloqueio completo (p<0,001). CONCLUSÃO: A verificação de bloqueio completo pelo mapeamento multipolar atrial é uma estratégia eficaz para definir o sucesso e recorrência clínica na ablação do FLA tipo I.
Assunto atrial flutter
catheter ablation
radiofrequency
flutter atrial
ablação por cateter
radiofreqüência
Idioma Português
Data 1998-07-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC, v. 71, n. 1, p. 37-47, 1998.
ISSN 0066-782X (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Extensão 37-47
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X1998000700008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0066-782X1998000700008 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/649

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0066-782X1998000700008.pdf
Tamanho: 557.0Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)