Lesões fatais em trauma numa grande metrópole Brasileira: um estudo de autópsias

Lesões fatais em trauma numa grande metrópole Brasileira: um estudo de autópsias

Título alternativo Fatal trauma injuries in a Brazilian big metropolis: a study of autopsies
Autor Wilson, Jorge L Autor UNIFESP Google Scholar
Herbella, Fernando A. M Autor UNIFESP Google Scholar
Takassi, Guilherme F Autor UNIFESP Google Scholar
Moreno, Danilo G Autor UNIFESP Google Scholar
Tineli, Ana C Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: This study aims to review a series of deaths by trauma in a large metropolis. The intention is to identify preventable causes of death. METHODS: We prospectively studied 500 unselected and consecutive cases of death associated with trauma. The study variables were: mechanism of injury, etiology, site of injury, surgical intervention, medical malpractice, damaged organs and the prevention of mortality. The cases were grouped according to the mechanism of injury in: penetrating trauma, blunt trauma, poisoning, drowning, burns and suffocation. RESULTS: We examined 418 (83.6%) males and 82 (16.4%) females (mean age 39 ± 19.6 years, ranging from three to 91 years). Penetrating trauma accounted for 217 (43%) cases, while blunt trauma accounted for 40% of cases. The most common mechanism of injury in death by penetrating trauma was gunshot, representing 41% of cases. Within the set of blunt trauma, the most common mechanism was traffic accident, which represented 22% of total deaths. There were 71 (14%) cases of preventable deaths: thromboembolism in 35 (7%), infectious complications in 25 (5%), medical malpractice in seven (1%) and treatable lesions in outpatients in five (1%). CONCLUSION: This study shows that traumatic death in the city of São Paulo is associated with serious and complex injuries. Prevention of these types of death would be related to the control of violence.

OBJETIVO: Este estudo tem o objetivo revisar uma série de mortes por trauma em uma grande metrópole. A intenção é identificar as causas evitáveis de morte. MÉTODOS: Foram estudados prospectivamente 500 casos não selecionados e consecutivos de morte associada ao trauma. As variáveis do estudo foram as seguintes: mecanismo do trauma, etiologia, local da morte, a intervenção cirúrgica, imperícia médica, órgãos lesados e prevenção da mortalidade. Os casos foram agrupados, segundo o mecanismo de trauma, em: trauma penetrante, trauma contuso, intoxicação, afogamento, queimadura e asfixia. RESULTADOS: Foram abordados 418 (83,6%) casos do sexo masculino e 82 (16,4%) do sexo feminino (média de idade 39 ± 19,6 anos, variando de três a 91 anos). O trauma penetrante correspondeu a 217 (43%) casos; já o trauma contuso representou 40% dos casos. O mecanismo de trauma mais comum de morte entre o trauma penetrante foi lesão por arma de fogo, representando 41% do total de casos. Dentro do conjunto dos traumas contusos, o mecanismo mais comum foi o de acidentes de transporte, o que representou 22% do total de óbitos. Aconteceram 71 (14%) casos de mortes evitáveis: tromboembolismo em 35 (7%); complicações infecciosas em 25 (5%), imperícia médica em sete (1%) e lesões tratáveis em pacientes não hospitalizados cinco (1%). CONCLUSÃO: Este estudo mostra que a morte traumática, na cidade de São Paulo, está associada à lesões graves e complexas. Prevenção da morte está relacionada ao controle da violência.
Palavra-chave Wounds and injuries
Mortality
Autopsy
Prevention and control
Ferimentos e lesões
Mortalidade
Autópsia
Prevenção e controle
Idioma Português
Data de publicação 2011-04-01
Publicado em Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Colégio Brasileiro de Cirurgiões, v. 38, n. 2, p. 122-126, 2011.
ISSN 0100-6991 (Sherpa/Romeo)
Publicador Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Extensão 122-126
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-69912011000200010
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-69912011000200010 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6437

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-69912011000200010.pdf
Tamanho: 138.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta