Educação interprofissional na graduação em saúde: aspectos avaliativos da implantação na Faculdade de Medicina de Marília (Famema)

Educação interprofissional na graduação em saúde: aspectos avaliativos da implantação na Faculdade de Medicina de Marília (Famema)

Título alternativo Interprofessional education in health graduation: evaluation aspects of its implementation in Marilia Medical School (Famema)
Autor Silva, Rinaldo Henrique Aguilar Da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Medicina de Marília
Resumo This paper aims at thinking on the implementation of health interprofessional education program in Famema and pointing out the main weaknesses and strengths reported by teachers and students during the evaluation process. Interprofessional education has been used as a teaching strategy in several countries to educate more critically, reflexively the professionals who are able to work in a team and to learn together with other professions. It was possible to see that in Famema the presented weaknesses and strengths were related to the following aspects: a) understanding what is interprofessional education; b) team work in primary health care; c) the specialties' contents and broader cognitive knowledge; d) evaluation as a learning instance. One may conclude that in spite the challenges this interprofessional education pattern in Famema is according to the proposed objective.

O objetivo deste trabalho é realizar uma reflexão sobre a implantação da educação interprofissional em saúde da Famema, destacando as principais fragilidades e fortalezas relatadas, por professores e estudantes, durante o processo de avaliação. A educação interprofissional vem sendo utilizada como estratégia de ensino em vários países visando à formação de profissionais mais críticos, reflexivos, capazes de trabalhar em equipe e de aprenderem juntos com as outras profissões. Foi possível verificar que na Famema as fragilidades e fortalezas apresentadas referiram-se aos seguintes aspectos: a) entendimento do que é educação interprofissional; b) o trabalho em equipe na atenção primária em saúde; c) os conteúdos das especialidades e o ganho de conhecimento cognitivo; d) a avaliação como momento de aprendizagem. Conclui-se que apesar dos grandes desafios ainda existentes, este modelo de educação interprofissional na Famema está em consonância com a imagem objetivo proposta.
Palavra-chave interprofessional education
evaluation
health graduation
educação interprofissional
avaliação
graduação em saúde
Idioma Português
Data de publicação 2011-04-01
Publicado em Educar em Revista. Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná, n. 39, p. 159-175, 2011.
ISSN 0104-4060 (Sherpa/Romeo)
Publicador Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Extensão 159-175
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-40602011000100011
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-40602011000100011 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6424

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-40602011000100011.pdf
Tamanho: 735.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta