Bruxismo do sono: possibilidades terapêuticas baseadas em evidências

Bruxismo do sono: possibilidades terapêuticas baseadas em evidências

Título alternativo Sleep bruxism: therapeutic possibilities based in evidences
Autor Machado, Eduardo Google Scholar
Machado, Patricia Google Scholar
Cunali, Paulo Afonso Autor UNIFESP Google Scholar
Dal Fabbro, Cibele Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição UFPR
UFSM
PUC
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
CFO
Resumo INTRODUCTION: Sleep bruxism (SB) is defined as a stereotyped and periodic movement disorder, characterized by tooth grinding and/or clenching occurring during sleep, associated with rhythmic masticatory muscle activity. This condition isn't a disease, but when exacerbated may cause an unbalance and changing of orofacial structures. Thus, it is necessary to obtain effective and safe treatments for the control and management of the bruxist patient. The treatment alternatives ranges from oral devices to pharmacological and cognitive-behavioral techniques. OBJECTIVES: This study, through a systematic literature review, having as research bases MEDLINE, Cochrane, EMBASE, Pubmed, Lilacs and BBO, between the years of 1990 and 2008, with focus in randomized and quasi-randomized clinical trials, systematic reviews and meta-analysis, had as objective to analyze and discuss possibilities of treatment for sleep bruxism. RESULTS: According to the analysis of literature there are a lot of treatment options for the SB, but many of the therapies have no scientific support. Thus, the chosen therapy should be based on scientific evidences and in clinical common sense, to an improvement in quality of life of the bruxist patient.

INTRODUÇÃO: o bruxismo do sono (BS) é uma desordem de movimentos estereotipados e periódicos, associados ao ranger e/ou apertar de dentes durante o sono, decorrentes da contração rítmica dos músculos mastigatórios. Essa condição não é uma doença, porém quando exacerbada pode ocasionar desequilíbrio e alteração das estruturas orofaciais. Dessa forma, surge a necessidade de se obter terapêuticas efetivas e seguras para o controle e o manejo do paciente bruxômano. As alternativas de tratamento variam desde terapêuticas orodentais e farmacológicas até técnicas comportamentais-cognitivas. OBJETIVOS: através de uma revisão sistemática da literatura, tendo como bases de pesquisa a Medline, Cochrane, Embase, Pubmed, Lilacs e BBO, no período compreendido entre 1990 e 2008, e com enfoque em estudos clínicos randomizados e quasi-randomizados, revisões sistemáticas e meta-análises, esse trabalho teve como objetivo analisar e discutir métodos de tratamento para o BS. RESULTADOS: pela análise da literatura verifica-se que existe uma grande quantidade de opções terapêuticas para o BS, porém muitas das terapias não têm suporte científico que as sustente. Assim, a escolha terapêutica deve ser pautada em evidências científicas e no bom senso clínico, objetivando uma melhora na qualidade de vida do paciente bruxômano.
Palavra-chave Sleep bruxism
Treatment
Oral devices
Drugs
Behavior
Bruxismo do sono
Tratamento
Aparelhos orais
Medicamentos
Comportamental
Idioma Português
Data de publicação 2011-04-01
Publicado em Dental Press Journal of Orthodontics. Dental Press International, v. 16, n. 2, p. 58-64, 2011.
ISSN 2176-9451 (Sherpa/Romeo)
Publicador Dental Press International
Extensão 58-64
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S2176-94512011000200008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S2176-94512011000200008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6409

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S2176-94512011000200008.pdf
Tamanho: 407.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta