Estudo comparativo entre achados radiológicos e cirúrgicos na otite média crônica

Estudo comparativo entre achados radiológicos e cirúrgicos na otite média crônica

Título alternativo Comparative study between radiological and surgical findings of chronic otitis media
Autor Prata, Anelise Abrahao Salge Google Scholar
Antunes, Marcos Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Abreu, Carlos Eduardo Cesario De Autor UNIFESP Google Scholar
Frazatto, Ricardo Autor UNIFESP Google Scholar
Lima, Bruno Thieme Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
faculdade de medicina do ABC
Hospital Estadual de Diadema
Resumo INTRODUCTION: The chronic otitis media (COM) is a prevalent disease and the most frequent cause of indication to mastoidectomy. Many studies have evaluated the use of tomography (CT) of temporal bones for preoperative evaluation of COM and its indication in the preoperative approach is still controversial nowadays. OBJECTIVE: To evaluate the sensitivity of the clinical and radiological findings of COM according to the intraoperative surgical results and histopathological findings. METHOD: Transversal retrospective study through collection of record data of patients with COM submitted to mastoidectomy in the period from 2007 through 2008 in our service. RESULTS: From a total of 82 ears, 40.24% had cholesteatoma. The CT presented 72.73% of sensitivity in the identification of cholesteatoma, 56.67% in the identification of changes to the ossicular chain and 100% in that of erosion of the lateral semicircular canal. CONCLUSION: The clinical and radiological findings showed a high level sensitivity with intraoperative findings as regards to the presence of cholesteatoma, large changes of the ossicular chain and erosion of the lateral semicircular canal. For minor changes to the ossicular chain, the facial nerve canal and the tympanic tegmen they described low sensitivity.

INTRODUÇÃO: A otite média crônica (OMC) é uma doença prevalente, e trata-se da causa mais frequente de indicação de mastoidectomia. Muitos estudos têm avaliado a utilização da tomografia (TC) de ossos temporais na avaliação pré-operatória da OMC e sua indicação no pré-operatório ainda permanece controversa nos dias atuais. OBJETIVO: Avaliar a sensibilidade dos achados clínicos e radiológicos de OMC de acordo com os resultados cirúrgicos intra-operatórios e achados histopatológicos. MÉTODO: Estudo retrospectivo transversal através de coleta de dados de prontuários de pacientes com OMC submetidos a mastoidectomia no período de 2007 a 2008 em nosso serviço. RESULTADOS: Em um total de 82 orelhas, 40,24% apresentavam colesteatoma. A TC apresentou 72,73% de sensibilidade na identificação do colesteatoma, 56,67% na identificação de alterações da cadeia ossicular e 100% na de erosão do canal semicircular lateral. CONCLUSÃO: Os achados clínicos e radiológicos mostraram boa sensibilidade com os achados intra-operatórios com relação à presença de colesteatoma, grandes alterações da cadeia ossicular e erosão do canal semicircular lateral. Já para alterações menores da cadeia ossicular, do canal do nervo facial e do tegmem timpânico apresentaram baixa sensibilidade.
Palavra-chave tomography
temporal bone
suppurative otitis media
cholesteatoma
tomografia
osso temporal
otite média supurativa
colesteatoma
Idioma Português
Data de publicação 2011-03-01
Publicado em Arquivos Internacionais de Otorrinolaringologia. Fundação Otorrinolaringologia, v. 15, n. 1, p. 72-78, 2011.
ISSN 1809-4872 (Sherpa/Romeo)
Publicador Fundação Otorrinolaringologia
Extensão 72-78
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1809-48722011000100011
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1809-48722011000100011 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6369

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1809-48722011000100011.pdf
Tamanho: 177.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta