O papel do polimorfismo funcional VNTR da região promotora do gene MAOA nos transtornos psiquiátricos

O papel do polimorfismo funcional VNTR da região promotora do gene MAOA nos transtornos psiquiátricos

Título alternativo The role of the VNTR functional polymorphism of the promoter region of the MAOA gene on psychiatric disorders
Autor Nishioka, Sílvia A. Google Scholar
Perin, Eduardo Aliende Autor UNIFESP Google Scholar
Sampaio, Aline Santos Google Scholar
Cordeiro, Quirino Google Scholar
Cappi, Carolina Google Scholar
Mastrorosa, Rosana Savio Autor UNIFESP Google Scholar
Morais, Ivanil A. Google Scholar
Reis, Viviane Neri De Souza Google Scholar
Rosario-Campos, Maria Conceicao do Autor UNIFESP Google Scholar
Hounie, Ana Gabriela Google Scholar
Instituição Universidade de São Paulo (USP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo INTRODUCTION: A functional variable number of tandem repeats (VNTR) polymorphism of the promoter region of the monoamine oxidase A (MAOA) gene has been described and many studies have investigated the association of this polymorphism with human behaviors, as well as with several psychiatric disorders. OBJECTIVE: This study aimed to review the literature on the role of the VNTR functional polymorphism of the promoter region of the MAOA gene on the modulation of human behavior for the development of psychiatric disorders. METHOD: Searches on the Medline, Embase, Web of Science and PsycInfo databases were performed including works from January 1998 to June 2009. The words used were: MAOA and human behavior and MAOA and psychiatry. RESULTS: Several studies were found (N = 3,873). After the selection process, 109 papers were included in the review. There was found an association of MAOA low activity alleles with antisocial personality disorder, conduct disorder, ADHD, pathological gambling, and substance abuse. High activity alleles were associated with neuroticism, anorexia nervosa and depression and anxiety disorders. There was no association between the MAOA polymorphisms and bipolar disorder and schizophrenia. DISCUSSION: The main findings, summarized in this paper, support a role of MAOA VNTR polymorphism in some psychiatric disorders although some divergences were found due to methodological difficulties in genetic studies. In general, the studies associated the low activity alleles with impulsivity and aggressive behavior (hyperactive behaviors), and the high activity alleles of the gene with hypoactive behaviors, such as depression and anxiety, which demonstrates a modulation of the MAOA enzyme in hyperactive and hypoactive disorders.

INTRODUÇÃO: Muitos estudos têm investigado a associação do polimorfismo VNTR (número variável de repetições em série) localizado na região promotora do gene da enzima monoamina oxidase A (MAOA) com alterações no comportamento humano e em diversos transtornos psiquiátricos. OBJETIVO: O objetivo do presente trabalho foi revisar a literatura sobre a participação desse polimorfismo funcional na modulação do comportamento humano para o desenvolvimento dos transtornos psiquiátricos. MÉTODO: A pesquisa foi realizada na literatura em inglês, de janeiro de 1998 a junho de 2009, disponível no Medline, Embase, Web of Science e na base de dados PsycInfo, utilizando os seguintes termos: MAOA e comportamento humano e MAOA e psiquiatria. RESULTADOS: Foram encontrados 3.873 estudos. Desses, 109 foram selecionados e incluídos na revisão. Encontrou-se associação de alelos de baixa atividade do VNTR com transtorno de personalidade antissocial, transtorno de conduta, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, jogo patológico e dependência de substâncias. Alelos da alta atividade da MAOA foram associados a depressão, ansiedade, neuroticismo e anorexia nervosa. Não se encontrou associação entre polimorfismos da MAOA e esquizofrenia e transtorno bipolar. CONCLUSÃO: Os principais achados dão suporte ao papel do polimorfismo VNTR da região promotora do gene da MAOA em alguns transtornos psiquiátricos, apesar das divergências encontradas devidas às dificuldades metodológicas de estudos em genética. De modo geral, os estudos associam os alelos de baixa atividade da MAOA com comportamentos impulsivos e agressivos (comportamentos hiperativos), enquanto os alelos de alta atividade do gene são mais associados a comportamentos hipoativos.
Palavra-chave Monoamine oxidase
MAOA
functional polymorphism
VNTR
behavior
psychiatric disorders
Inibidores da monoamina oxidase
MAOA
polimorfismo funcional
VNTR
comportamento
transtornos psiquiátricos
Idioma Português
Data de publicação 2011-01-01
Publicado em Archives of Clinical Psychiatry. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, v. 38, n. 1, p. 34-42, 2011.
ISSN 0101-6083 (Sherpa/Romeo)
Publicador Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Extensão 34-42
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0101-60832011000100008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0101-60832011000100008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6207

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0101-60832011000100008.pdf
Tamanho: 429.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta