Improving survival in children with AIDS in Brazil: results of the second national study, 1999-2002

Improving survival in children with AIDS in Brazil: results of the second national study, 1999-2002

Título alternativo Ampliação da sobrevida em crianças com AIDS no Brasil: resultados do segundo estudo nacional de 1999 a 2002
Autor Matida, Luiza Harunari Autor UNIFESP Google Scholar
Ramos Junior, Alberto Novaes Google Scholar
Heukelbach, Jorg Google Scholar
Sañudo, Adriana Google Scholar
Succi, Regina Célia de Menezes Autor UNIFESP Google Scholar
Marques, Heloisa Helena de Sousa Google Scholar
Negra, Marinella Della Google Scholar
Hearst, Norman Google Scholar
Instituição Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo Programa Estadual de DST/AIDS
Universidade Federal do Ceará Faculdade de Medicina
Universidade de São Paulo (USP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
University of California
Resumo The objective of this study is to characterize survival in children with AIDS diagnosed in Brazil between 1999-2002, compared with the first national study (1983-1998). This national retrospective cohort study examined a representative sample of Brazilian children exposed to HIV from mother-to-child transmission and followed through 2007. The survival probability after 60 months was analyzed by sex, year of birth and death, clinical classification, use of antiretroviral therapy (ART) and prophylaxis for opportunistic diseases. 920 children were included. The survival probability increased: comparing cases diagnosed before 1988 with those diagnosed from 2001-2002 it increased by 3.5-fold (from 25% to 86.3%). Use of ART, initial clinical classification, and final classification were significant (p < 0.001) predictors of survival. Issues regarding quality of records and care were identified. The results point to the success of the Brazilian policy of providing ART. The improvement of clinical status contributes to quality of life, while indicating challenges, particularly practices to improve long-term care.

Este estudo caracteriza a sobrevida em crianças com AIDS no Brasil entre 1999-2002, contextualizando com o primeiro estudo nacional (1983-1998). Trata-se de coorte histórica, com crianças expostas ao HIV por transmissão vertical e acompanhadas até 2007. A probabilidade de sobrevivência em 60 meses foi analisada segundo sexo, ano de nascimento e de óbito, classificação clínica, uso de terapia antirretroviral (TARV) e de profilaxia para doenças oportunistas. No total, 920 crianças foram incluídas. A probabilidade de sobrevivência foi ampliada 3,5 vezes nos dois períodos avaliados, passando de 25% antes de 1988 para 86,3% no período de 2001-2002. Uso de TARV, classificação clínica inicial e atual/final foram preditores que influíram significativamente (p < 0,001) para a ampliação da sobrevida. Os resultados deste estudo indicam o sucesso da política brasileira para a abordagem das crianças infectadas com HIV. A melhora do estado clínico contribuiu para melhora da qualidade de vida, mas sinaliza-se para a necessidade de incorporação de práticas pautadas na integralidade do cuidado.
Palavra-chave Acquired Immunodeficiency Syndrome
Infections Disease Transmission
Survival Analysis
Highly Active Antiretroviral Therapy
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Transmissão Vertical de Doença Infecciosa
Análise de Sobrevida
Terapia Anti-Retroviral de Alta Atividade
Idioma Inglês
Data de publicação 2011-01-01
Publicado em Cadernos de Saúde Pública. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz, v. 27, p. s93-s103, 2011.
ISSN 0102-311X (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Extensão s93-s103
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001300010
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000289644800010
SciELO S0102-311X2011001300010 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6196

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-311X2011001300010.pdf
Tamanho: 109.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta