Música e transformação no contexto da medida socioeducativa de internação

Música e transformação no contexto da medida socioeducativa de internação

Título alternativo Music and transformation in the social and educative confinement measure
Música y transformación en el contexto de la medida socioeducativa de internación
Autor Costa, Cláudia Regina Brandão Sampaio Fernandes Da Google Scholar
Santos, Maíra Mendes Dos Autor UNIFESP Google Scholar
Franco, Kelly Silva Google Scholar
Brito, Afonso De Oliveira Google Scholar
Instituição Universidade Federal do Amazonas
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Cáritas Arquidiocesana de Manaus
Resumo This article takes account of a choir singing project with adolescents imprisoned in juvenile detention in the state of Amazonas, Brazil. This action is part of a policy related to the human rights and inclusion in a healthy, productive and supportive social cohabitation standard, in order to avoid the recurrence of the criminal behavior. This project is based on the conception that human beings live under permanent development, which transforms themselves and the social environment through the experiences with others. In this context, music increases the possibility of a subject s transformation by valuing their creative and spontaneous expression, besides promoting the development of artistic, social and cognitive skills in a constructive and oriented way. Based on from the principles of this proposal, rehearsals, reflective groups and presentations were designed. The methodology is centered in three basic principles: presence, endearment and authorship. In spite of the difficulties found, the activities evolved in a significant manner, resulting in healthier interactions among the adolescents and employees of the center, growing openness on the adolescents regarding the expression of their subjectivities, expansion of self-perception, interest in formulating a project of life and discovery of musical aptitudes.

El presente artículo expone consideraciones acerca de un proyecto de canto coral desarrollado junto a adolescentes que cumplen medida socioeducativa de internación en el Estado de Amazonas. Esta acción hace parte de una política destinada a la garantía de los Derechos Humanos y a la inclusión en un estándar de convivencia social sana, productiva y solidaria de forma a evitar la reincidencia del acto delictivo. La premisa de ese proyecto se fundamenta en la concepción de ser humano en constante desarrollo, que transforma a sí y al medio social a través de las vivencias compartidas con otros. En ese contexto, la música favorece una posibilidad de transformación del sujeto al valorar su expresión creativa y espontánea, más allá de promover el desarrollo de habilidades artísticas, cognitivas y sociales de modo constructivo. A partir de los principios orientadores de la propuesta, han sido llevados a cabo ensayos, grupos reflexivos y presentaciones. La metodología utilizada está enfocada en tres principios básicos: presencia, afectividad y autoría. A despecho de las dificultades encontradas, las actividades han progresado de forma significativa, teniendo como resultado el desarrollo de interacciones más sanas entre los adolescentes y funcionarios del Centro, creciente apertura de los adolescentes en la expresión de sus objetividades, ampliación del autopercepción, interés en delinear un proyecto de vida y descubrimiento de aptitudes musicales.

O presente artigo traça considerações sobre um projeto de canto coral desenvolvido junto a adolescentes que cumprem medida socioeducativa de internação no Estado do Amazonas. Essa ação faz parte de uma política voltada para a garantia dos direitos humanos e para a inclusão em um contexto de convívio social saudável, produtivo e solidário, de forma a evitar a reincidência ao ato delituoso. A premissa desse projeto se fundamenta na concepção de ser humano em constante desenvolvimento, que transforma a si mesmo e ao meio social através das vivências partilhadas com outrem. Nesse contexto, a música favorece uma possibilidade de transformação do sujeito ao valorizar sua expressão criativa e espontânea, além de promover o desenvolvimento de habilidades artísticas, cognitivas e sociais de modo construtivo. A partir dos princípios norteadores da proposta, foram realizados ensaios, grupos reflexivos e apresentações. A metodologia utilizada centra-se em três princípios básicos: presença, afetividade e autoria. Apesar das dificuldades encontradas, as atividades evoluíram de forma significativa, tendo como resultado o desenvolvimento de interações mais saudáveis entre os adolescentes e os funcionários do centro, crescente abertura dos adolescentes na expressão de suas subjetividades, aumento da autopercepção, interesse por delinear um projeto de vida e descoberta de aptidões musicais.
Palavra-chave Adolescent in conflict with the law
Social-educative measure
Choir singing
Protective Factors
Adolescente em conflito com a lei
Medidas socioeducativas
Canto-coral
Fatores protetivos
Idioma Português
Data de publicação 2011-01-01
Publicado em Psicologia: Ciência e Profissão. Conselho Federal de Psicologia, v. 31, n. 4, p. 840-855, 2011.
ISSN 1414-9893 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Federal de Psicologia
Extensão 840-855
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1414-98932011000400013
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1414-98932011000400013 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6148

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1414-98932011000400013.pdf
Tamanho: 1.955MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta