Desempenho em tarefas matemáticas e de processamento fonológico estão relacionados nos transtornos de aprendizagem?

Desempenho em tarefas matemáticas e de processamento fonológico estão relacionados nos transtornos de aprendizagem?

Alternative title Are mathematical and phonological processing performance correlated in learning disabilities?
Author Fu, Julia Helena Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Avila, Clara Regina Brandão de Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
Abstract Introdução: A matemática exerce papel decisivo no desenvolvimento cognitivo e interfere na construção de conhecimentos de outras áreas. O Transtorno específico da aprendizagem com prejuízo da matemática (DSM 5) pode coocorrer com outros transtornos específicos do neurodesenvolvimento como o da linguagem oral, da leitura e da escrita, ou até mesmo da coordenação motora; ele afeta especificamente a aquisição de habilidades aritméticas em crianças com inteligência normal e boa escolarização; déficits na recuperação de fatos aritméticos da memória semântica, prejuízos de habilidades de procedimento e de representação viso-espacial também são encontrados. Há evidências de que habilidades cognitivas do processamento fonológico estejam associadas no desenvolvimento de todos esses tipos de aprendizagem (Silva et al. 2015). Objetivo: Investigar correlações entre o desempenho em tarefas que avaliam habilidades do processamento fonológico e do senso numérico e cálculo matemático em crianças escolares com queixa de aprendizagem de leitura, escrita e matemática. Método: Estudo retrospectivo, de relato de casos e análise quantitativa. Em estudo anterior foram avaliados 07 escolares (03 meninas) com diagnóstico fonoaudiológico de Transtorno específico do desenvolvimento da leitura, quanto às suas habilidades matemáticas de representação da magnitude numérica e da evocação do fato numérico (12 tarefas) e quanto ao processamento fonológico: memória fonológica operacional, consciência fonológica e acesso fonológico ao léxico mental. A análise estatística caracterizou a amostra e a seguir buscou correlações entre as variáveis de estudo, a partir do cálculo do coeficiente de Spearman (nível de significância adotado < 0,05). Resultados: As médias de idade e de anos de escolaridade da amostra foram, respectivamente: M=8,71; DP=0,76 e M=3,43; DP=0,98. O cálculo do coeficiente de Spearman mostrou correlações positivas de moderadas a fortes entre diferentes tarefas de cálculo numérico e memória fonológica de curto prazo e operacional (p. ex.: r=0,899; p valor <0,006), e negativa entre a velocidade de acesso ao léxico mental e as tarefas 3 e 8 do cálculo numérico, mostrando que quanto mais lenta a velocidade de acesso ao léxico, maior o número de acertos em cálculo. Conclusão: Foi possível encontrar correlações positivas, de moderadas a fortes, entre os desempenhos em tarefas de cálculo numérico e de memória fonológica e negativas entre cálculo numérico e o tempo de acesso fonológico ao léxico mental, confirmando a hipótese de que há associações entre processamento fonológico e habilidades matemáticas em crianças escolares com transtorno de leitura e escrita.

Introduction: Mathematics plays a decisive role in cognitive development and interferes in the construction of knowledge in other areas. According to DSM V (APA, 2014), specific learning disorder with impairment of mathematics (315.1 | F81.2) can co-occur with other specific neurodevelopmental disorders such as oral language, reading and writing, or even motor coordination; it specifically affects the acquisition of arithmetic skills in children with normal intelligence and good schooling; deficits in the recovery of arithmetic facts from semantic memory, impairment of procedural skills and viso-spatial representation are also found. There is evidence that cognitive skills of phonological processing are associated with the development of all these types of learning (Silva et al. 2015). Purpose: To investigate correlations between performance in tasks that assess phonological processing and numerical sense skills and mathematical calculation in school children with complaints of reading, writing and mathematics learning. Method: Retrospective study, case report and quantitative analysis; started after CEP-UNIFESP / EPM approval (CAAE 01737318.7.0000.5505; project no. 1261/2018; opinion no. 3,138,884) and signature of the TCLE and TAC. In a previous study, 07 schoolchildren (03 girls) with a speech-language diagnosis of specific reading development disorder (F81.0) were evaluated, regarding their mathematical skills of representing the numerical magnitude and evoking the numerical fact (12 tasks) and regarding the phonological processing: operational phonological memory (span of digits OD and OI, BCPR), phonological awareness (phonemic exclusion - CONFIAS) and phonological access to the mental lexicon (RAN). The statistical analysis characterized the sample and then sought correlations between the study variables, based on the calculation of the Spearman coefficient (significance level adopted <0.05). Results: The mean age and years of schooling in the sample were, respectively: M = 8.71; SD = 0.76 and M = 3.43; SD = 0.98. The calculation of Spearman's coefficient showed positive correlations between different tasks of numerical calculation and short-term and operational phonological memory (eg: r = 0.899; p value <0.006), and negative between the speed of access to the mental lexicon and tasks 3 and 8 of numerical calculation, showing that the slower the speed of access to the lexicon, the greater the number of correct calculations. Conclusion: It was possible to find positive correlations, of moderate to strong, between the performances in tasks of numerical calculation and phonological memory and negative correlations between numerical calculation and the time of phonological access to the mental lexicon, confirming the hypothesis that there are associations between phonological processing and skills mathematics in school children with reading and writing disorders.
Keywords Processos mentais
Transtornos de aprendizagem
Linguagem
Matemática
Language Portuguese
Date 2021-01-26
Research area Leitura e Escrita
Knowledge area Fonoaudiologia
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Extent 42 p.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/60153

Show full item record




File

Name: TCC - Julia Helena Fu-2-2-2.pdf
Size: 380.2Kb
Format: PDF
Description: Artigo Principal
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account