Humanization of Care from the Perspective of the Family Health Strategy Teams in a City in the Interior of São Paulo, Brazil

Humanization of Care from the Perspective of the Family Health Strategy Teams in a City in the Interior of São Paulo, Brazil

Título alternativo La humanización del cuidado bajo la perspectiva de los equipos de la estrategia de salud de la familia en un municipio del interior paulista, Brasil
A humanização do cuidado na ótica das equipes da estratégia de saúde da família de um município do interior paulista, Brasil
Autor Marin, Maria José Sanches Autor UNIFESP Google Scholar
Storniolo, Luana Vergian Google Scholar
Moravcik, Maria Yvette Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Medicina de Marília
Resumo This study analyzes the understanding of professionals composing teams of the Family Health Strategy concerning humanization of care. This qualitative survey was carried out in a city in the interior of São Paulo through interviews with 20 professionals. The data analysis method used was Interpretation of Meanings based on the hermeneutic-dialectic perspective. The meaning of humanization according to the interviewed professionals includes an enlarged view, respect for ethical principles and facilitated access. The difficulties refer to the lack of prepared professionals, excessive demand and deficiencies in service organization. The professionals propose to educate and qualify professionals, make activities adequate given the professionals' roles and improve the organization of services. The professionals demonstrate understanding of the meaning of humanization and acknowledge the need to cope with difficulties.

Este estudio tuvo como objetivo analizar la comprensión referente a la humanización del cuidado a partir de la perspectiva de profesionales que componen los equipos de la Estrategia de Salud de la Familia. Se trata de estudio cualitativo, realizado en un municipio del interior del estado de São Paulo, a partir de entrevistas con 20 profesionales. En el análisis de los datos fue utilizado el método de interpretación de los sentidos, basado en la perspectiva hermenéutica-dialéctica. El significado de la humanización para los profesionales entrevistados comprende una perspectiva ampliada, que incluye principios éticos y la facilidad para acceder al cuidado. Las dificultades se refieren a la falta de profesionales preparados, excesiva demanda y deficiencias en la organización del servicio. Los profesionales presentaron como propuesta formar y calificar profesionales, adecuar las actividades al papel profesional y mejorar la organización de los servicios. Los profesionales demuestran comprender el significado de la humanización y reconocen la necesidad de enfrentar las dificultades.

Este estudo teve como objetivo analisar a compreensão referente à humanização do cuidado, sob a ótica de profissionais que compõem as equipes da Estratégia de Saúde da Família. Trata-se de estudo qualitativo, realizado em um município do interior paulista, a partir de entrevistas com 20 profissionais. Na análise dos dados, foi utilizado o método de interpretação de sentidos, baseado na perspectiva hermenêutico-dialética. O significado da humanização, para os profissionais entrevistados, compreende olhar ampliado, respeito aos princípios éticos e facilitação ao acesso. As dificuldades se referem à falta de profissionais preparados, excessiva demanda e deficiências na organização do serviço. Eles apresentaram, como proposta, formar e qualificar profissionais, adequar as atividades ao papel profissional e melhorar a organização dos serviços. Os profissionais demonstram compreender o significado da humanização e reconhecem a necessidade de enfrentamento das dificuldades.
Palavra-chave Humanization of Assistance
Patient Care Team
Family Health
Humanização da Assistência
Equipe de Assistência ao Paciente
Saúde da Família
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Número do financiamento FAPESP: 2008/55576
Data de publicação 2010-08-01
Publicado em Revista Latino-Americana de Enfermagem. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo, v. 18, n. 4, p. 763-769, 2010.
ISSN 0104-1169 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Extensão 763-769
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692010000400015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000281563200015
SciELO S0104-11692010000400015 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5868

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-11692010000400015.pdf
Tamanho: 320.8KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta