Linhas escleróticas metafisárias em crianças e adolescentes em uso de alendronato

Linhas escleróticas metafisárias em crianças e adolescentes em uso de alendronato

Título alternativo Sclerotic metaphyseal lines in children and adolescents treated with alendronate
Autor Silva, Érika Cristina Carneiro da Autor UNIFESP Google Scholar
Terreri, Maria Teresa Ramos Ascensão Autor UNIFESP Google Scholar
Castro, Tania Caroline Monteiro de Autor UNIFESP Google Scholar
Barbosa, Cassia Maria Passarelli Lupoli Autor UNIFESP Google Scholar
Fernandes, Artur da Rocha Correa Autor UNIFESP Google Scholar
Hilário, Maria Odete Esteves Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo INTRODUCTION: Bisphosphonates inhibit bone resorption by interfering with the action of osteoclasts. Among the adverse effects, sclerotic lines observed in the metaphysis of long bones have been described as the main imaging finding in pediatric patients. OBJECTIVE: To evaluate the frequency of radiographic changes caused by alendronate in children and adolescents with low bone density or calcinosis. PATIENTS AND METHODS: We conducted a cross-sectional study with 21 patients who were treated with once-weekly alendronate for at least 10 months. Patients underwent x-rays of long bones before the start of alendronate and approximately one year after its use. RESULTS: Eleven patients (52.3%) had sclerotic lines in the metaphysis of long bones. The most frequent site was the tibia (8/11 patients), followed by the femur (7/11), humerus (6/11), radius (4/11), ulna (3/11), and fibula (2/11). Regression of radiographic changes during the study period (up to 1.1 years after discontinuation of alendronate) was not observed. CONCLUSION: If used carefully, alendronate is safe and radiographic changes have not been shown to be clinically relevant.

INTRODUÇÃO: Os bisfosfonatos inibem a reabsorção óssea pela interferência na ação dos osteoclastos. Dentre os efeitos adversos, as linhas escleróticas em metáfise de ossos longos são descritas como principal alteração radiográfica na faixa etária pediátrica. OBJETIVO: Avaliar a frequência de alterações radiográficas causadas pelo alendronato utilizado em crianças e adolescentes com baixa densidade óssea ou calcinose. PACIENTES E MÉTODOS: Foi realizado um estudo do tipo coorte retrospectiva analisando-se prontuários de 21 pacientes que fizeram uso de alendronato semanal por no mínimo 10 meses. Os pacientes realizaram radiografias de ossos longos antes do início do alendronato e aproximadamente um ano após o seu uso. RESULTADOS: Onze pacientes (52,3%) apresentaram linhas escleróticas em metáfise dos ossos longos. A localização mais frequente foi em tíbia (8/11 pacientes), seguida de fêmur (7/11), úmero (6/11), rádio (4/11), ulna (3/11) e fíbula (2/11). Nenhum paciente apresentou regressão das alterações radiográficas durante o tempo de evolução (até 1,1 ano após a suspensão do alendronato). CONCLUSÃO: Se usado com critério, o alendronato é seguro e as alterações radiográficas não mostraram ter um significado mais importante.
Palavra-chave alendronate
osteoporosis
calcinosis
sclerotic lines
bone density
alendronato
osteoporose
calcinose
linhas escleróticas
densidade óssea
Idioma Português
Data de publicação 2010-06-01
Publicado em SILVA, Érika Cristina Carneiro da et al . Linhas escleróticas metafisárias em crianças e adolescentes em uso de alendronato. Rev. Bras. Reumatol., São Paulo , v. 50, n. 3, p. 283-290, jun. 2010
ISSN 0482-5004 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Reumatologia
Extensão 283-290
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0482-50042010000300008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000208389300008
SciELO S0482-50042010000300008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5812

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0482-50042010000300008.pdf
Tamanho: 331.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta