Comparative results of gastric submucosal injection with hydroxypropyl methylcellulose, carboxymethylcellulose and normal saline solution in a porcine model

Comparative results of gastric submucosal injection with hydroxypropyl methylcellulose, carboxymethylcellulose and normal saline solution in a porcine model

Título alternativo Resultados comparativos de injeção submucosa gástrica com hidroximetil celulose, carboximetilcelulose e soro fisiológico em modelo suíno
Autor Lenz, Luciano Autor UNIFESP Google Scholar
Di Sena, Veruska Autor UNIFESP Google Scholar
Nakao, Frank S. Autor UNIFESP Google Scholar
Andrade, Gustavo Paulo de Autor UNIFESP Google Scholar
Rohr, Maria Rachel da Silveira Autor UNIFESP Google Scholar
Ferrari, Angelo Paulo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo CONTEXT: Endoscopic mucosal resection is an established modality for excision of sessile lesions in the gastrointestinal tract. Submucosal fluid injection creates a cushion and may prevent thermal injury and perforation. OBJECTIVES: This blind study investigated the performance of three different solutions to create submucosal fluid cushions in porcine stomach. METHODS: Three solutions were injected in the stomach of nine pigs BR1: normal saline solution, carboxymethylcellulose 0.5% and hydroxypropyl methylcellulose 0.25%. In each pig, submucosal injections with 6 mL per test-solution were performed. One drop of methylene blue was added to all injections for better visualization. The time for the bleb to disappear was recorded. RESULTS: The overall median time of visible submucosal cushion was 37 minutes (range 12-60 min) for hydroxypropyl methylcellulose, 31 minutes for carboxymethylcellulose (range 10-43 min) and 19 minutes for normal saline solution (range 8-37 min). There was no statistically significant difference neither between normal saline solution and carboxymethylcellulose (P = 0.146) nor carboxymethylcellulose and hydroxypropyl methylcellulose (P = 0.119) but the median duration of hydroxypropyl methylcellulose was significantly longer than normal saline solution (P = 0.039). CONCLUSIONS: The length of hydroxypropyl methylcellulose submucosal fluid cushion is longer in comparison with normal saline solution. The median time for carboxymethylcellulose was not longer than normal saline solution. Hydroxypropyl methylcellulose, in the concentration of 0.25%, may be a durable alternative for submucosal injection.

CONTEXTO: A ressecção endoscópica mucosa é uma modalidade estabelecida para a excisão de lesões sésseis no trato gastrointestinal. A injeção de fluídos na submucosa cria uma coxim que pode prevenir lesão térmica e perfuração. OBJETIVO: Este estudo cego investiga o desempenho de três diferentes soluções para criar um coxim fluído submucoso no estômago suíno. MÉTODOS: Três soluções foram injetadas no estômago de nove porcos BR1: soro fisiológico, carboximetilcelulose 0.5% e hidroxipropil metilcelulose 0.25%. Em cada porco, injeções submucosas com 6 mL por solução-teste foram realizadas. Uma gota de azul de metileno foi adicionada a cada injeção para melhor visualização. O tempo de desaparecimento de cada coxim foi registrado. RESULTADOS: O tempo mediano total do coxim submucoso visível foi de 37 minutos (faixa 12-60 min) para hidroxipropil metilcelulose, 31 minutos para carboximetilcelulose (faixa 10-43 min) e 19 minutos para soro fisiológico (faixa 8-37 min). Não houve significância estatística entre soro fisiológico e carboximetilcelulose (P = 0.146), assim como entre carboximetilcelulose e hidroxipropil metilcelulose (P = 0.119), mas a duração mediana de hidroxipropil metilcelulose foi significativamente maior que a do soro fisiológico (P = 0.039). CONCLUSÃO: A duração do coxim submucoso com hidroxipropil metilcelulose é maior em comparação com o do soro fisiológico. O tempo mediano da carboximetilcelulose não foi maior que do soro fisiológico. A hidroxipropil metilcelulose, na concentração de 0.25%, pode ser uma alternativa durável para injeção submucosa.
Palavra-chave Endoscopy, digestive system
Gastrointestinal neoplasms
Saline solution, hypertonic
Carboxymethylcellulose
Methylcellulose
Swine
Endoscopia do sistema digestório
Neoplasias gastrointestinais
Solução salina hipertônica
Carboximetilcelulose
Metilcelulose
Suinos
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Data de publicação 2010-06-01
Publicado em Arquivos de Gastroenterologia. Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBGSociedade Brasileira de Hepatologia - SBHSociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED, v. 47, n. 2, p. 184-187, 2010.
ISSN 0004-2803 (Sherpa/Romeo)
Publicador Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBGSociedade Brasileira de Hepatologia - SBHSociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED
Extensão 184-187
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-28032010000200013
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-28032010000200013 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5777

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-28032010000200013.pdf
Tamanho: 247.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta