Influência do índice de massa corporal e da circunferência abdominal na pressão arterial sistêmica de crianças

Influência do índice de massa corporal e da circunferência abdominal na pressão arterial sistêmica de crianças

Título alternativo Influence of body mass index and abdominal circumference on children's systemic blood pressure
Autor Iampolsky, Marcelo Nunes Google Scholar
Souza, Fabíola Isabel S. de Google Scholar
Sarni, Roseli Oselka Saccardo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição FMABC Departamento de Pediatria
FMABC Departamento de Pediatria Serviço de Nutrologia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate blood pressure levels in children, relating them to body mass index and abdominal circumference. METHODS: This cross-sectional prospective study enrolled 1.408 school children, aged between five and ten years and 11 months, in the municipality of Santo Andre, São Paulo, Brazil. The following variables were evaluated: birth weight, weight and height, expressed as body mass index Z score (ZBMI) and height to age Z score (ZH), and waist circumference (WC). Blood pressure was measured once by the same physician. Malnutrition was considered when ZBMI <-2, obesity when ZBMI >+2, short stature when ZH <-2, increased abdominal circumference when >P90 for age and gender, and increased blood pressure when >P90 for age, gender and height. Statistical analysis included chi-square test and Odds Ratio, being significant p<0.05. RESULTS: Mean age was seven years old, and 51% were females. High systolic blood pressure levels were observed in 19% and elevated diastolic blood pressure in 12%. Short stature, malnutrition, obesity and increased abdominal circumference were diagnosed in 2.6%, 3.1%, 7.3% and 13.4%, respectively, of the studied population. The presence of obesity was strongly associated with high systolic (OR 2.1, 95%IC 1.3-3.3; p<0.001) and diastolic blood pressure (OR 2.6, 95%IC 1.6-4.3; p<0.001). Increased abdominal circumference was also an important risk factor for high systolic blood pressure (OR 1.6; 95%IC 1.0-2.5; p=0.027). CONCLUSIONS: High blood pressure in children is associated with obesity and increased abdominal circumference.

OBJETIVO: Avaliar os níveis pressóricos em crianças e relacioná-los ao índice de massa corporal e à circunferência abdominal. MÉTODOS: Por meio de estudo prospectivo e transversal, avaliaram-se 1.408 escolares com idade entre cinco anos e dez anos e 11 meses, matriculados em escolas públicas do Município de Santo André. Foram coletados: peso ao nascer; peso e estatura, expressos como escore Z do índice de massa corporal (ZIMC) e estatura para idade (ZEI). A pressão arterial (medida única) foi aferida pelo mesmo examinador. Considerou-se: desnutrição quando ZIMC<-2, obesidade ZIMC>+2, baixa estatura se ZEI<-2; circunferência abdominal aumentada (ponto de corte >P90 para sexo e idade) e pressão arterial elevada quando superior ao percentil 90 para sexo, idade e estatura. A análise estatística incluiu o teste do qui-quadrado e o cálculo da Odds Ratio, adotando-se como significante o valor de p<0,05. RESULTADOS: A mediana de idade foi de sete anos, sendo 51% do sexo feminino. Níveis elevados foram encontrados em 19 e 12% dos escolares para a pressão arterial sistólica e diastólica, respectivamente. Verificaram-se: baixa estatura, desnutrição, obesidade e aumento da circunferência abdominal em 2,6%, 3,1%, 7,3% e 13,4% da amostra, respectivamente. A presença de obesidade foi o fator mais fortemente associado ao aumento de pressão arterial sistólica (OR 2,1; IC95% 1,3-3,3; p<0,001) e diastólica (OR 2,6; IC95% 1,6-4,3; p<0,001). A circunferência abdominal também se associou com pressão arterial sistólica elevada (OR 1,6; IC95% 1,0-2,5; p=0,027). CONCLUSÕES: A pressão arterial sistêmica elevada em crianças associa-se à obesidade e ao aumento da circunferência abdominal.
Palavra-chave obesity
abdominal circumference
hypertension
body mass index
child
obesidade
circunferência abdominal
hipertensão
índice de massa corporal
criança
Idioma Português
Data de publicação 2010-06-01
Publicado em Revista Paulista de Pediatria. Sociedade de Pediatria de São Paulo, v. 28, n. 2, p. 181-187, 2010.
ISSN 0103-0582 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade de Pediatria de São Paulo
Extensão 181-187
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-05822010000200009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0103-05822010000200009 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5770

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-05822010000200009.pdf
Tamanho: 370.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta