Clareamento gengival: ensino e etnocentrismo

Clareamento gengival: ensino e etnocentrismo

Título alternativo Gingival bleaching: teaching and ethnocentrism
Autor Bolla, Edson Daruich Autor UNIFESP Google Scholar
Goldenberg, Paulete Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The aim of this study was to identify buccal/gingival cosmetic dentistry patterns subjacent to formation and professional practice of the dental surgeon from the ethnocentrism point of view. This is an exploratory study with a qualitative approach based on the thematic analysis. Initially a documental analysis was carried out. Thereafter, dental surgeons were interviewed and semi-structured questions were applied. In the Periodontal teaching field, this study showed that the presence of racial melanosis is omitted or treated as an alteration in the normality patterns and it is considered anti-aesthetic. All the interviewers learnt how to practice gingival bleaching in the post-graduation courses, they were all encouraged to offer this cosmetic dentistry procedure with the opportunity of obtaining a beautiful and healthy smile, thus assuring the belief of the Caucasian racial aesthetic superiority. This study make us think that the offer of gingival bleaching is oriented by the Caucasian pattern of beauty evidencing the ethnocentric character of this procedure.

O estudo objetivou identificar os padrões de estética bucal/gengival subjacentes à formação e prática profissional do cirurgião-dentista, na perspectiva do etnocentrismo. A partir da análise documental e da realização de entrevistas (semiestruturadas) com cirurgiões dentistas formados há dez ou mais anos, o estudo recorreu a uma abordagem qualitativa, ancorada na análise temática. No âmbito do ensino da periodontia, o estudo evidenciou que a presença da pigmentação fisiológica é omitida ou tratada como uma alteração de normalidade e/ou antiestética. Todos os entrevistados aprenderam a realizar o clareamento gengival em nível de pós-graduação, sendo estimulados a ofertar tal procedimento em nome de um sorriso saudável e bonito. Diante da supervalorização da eficiência da técnica, ressalta a ausência da discussão da questão estética na perspectiva étnica. Parece que a oferta do clareamento gengival se faz norteada pelo padrão branco de beleza, evidenciando o caráter etnocêntrico do procedimento.
Palavra-chave Ethnocentrism
Whitening
Gingival Bleaching
Etnocentrismo
Embranquecimento
Clareamento gengival
Idioma Português
Data de publicação 2010-06-01
Publicado em Ciência & Saúde Coletiva. ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva, v. 15, p. 1783-1793, 2010.
ISSN 1413-8123 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Extensão 1783-1793
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232010000700090
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000282826700090
SciELO S1413-81232010000700090 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5737

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-81232010000700090.pdf
Tamanho: 62.82KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta