Aleitamento materno em prematuros: atuação fonoaudiológica baseada nos pressupostos da educação para promoção da saúde

Aleitamento materno em prematuros: atuação fonoaudiológica baseada nos pressupostos da educação para promoção da saúde

Título alternativo Breastfeeding in premature babies: speech-language and audiology performance based on education for health promotion concepts
Autor Santana, Maria da Conceição Carneiro Pessoa de Google Scholar
Goulart, Bárbara Niegia Garcia de Google Scholar
Chiari, Brasilia Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Melo, Adriana de Medeiros Google Scholar
Silva, Érika Henriques de Araújo Alves da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Estadual de Ciências da Saúde do Estado de Alagoas Maternidade Escola Santa Mônica Serviço de Fonoaudiologia
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Estadual de Ciências da Saúde do Estado de Alagoas
Resumo This paper reports an experience of a speech-language and audiology (SLP) team based on health promotion and education to contribute for the maintainance of exclusive breastfeeding in premature newborns in a high-risk maternity. In the process, a multiprofessional group and individual strategies were combined, producing dialogic settings along with puerperals and their families. Exclusive breastfeeding increased comparing with the last three years before these approach and greater participation of the team and relatives involved in these activities since the pregnant admission until discharge. The analisys of the strategies used allowed the team to identify the most effective actions to improve longer lasting exclusive breastfeeding and those that ought to be reformulated. From a theoretical and methodological point of view, this experience also allowed to observe the limits and possibilities of the actions that are related to closer areas of scientific knowledge and the effective promotion of exclusive breastfeeding in transdisciplinary activities. Considering health promotion and education as a discipline, it means that the efforts are highly directed to act on the people knowledge and self-care, mainly to contribute to the development of critical judgment and ability to decide what would be better and possible in health care and in managing of their own lives.

O artigo relata experiência de atuação fonoaudiológica baseada nos pressupostos da educação em saúde direcionada à promoção do aleitamento exclusivo em prematuros internados em uma maternidade de referência em alto risco. No trabalho desenvolvido, estratégias multiprofissionais realizadas com grupos e de forma individualizada foram combinadas, criando espaços dialógicos com as puérperas e seus familiares e a prevalência de aleitamento materno exclusivo aumentou nos últimos três anos na enfermaria. Houve grande participação dos envolvidos nas atividades propostas, desde a admissão da puérpera na enfermaria ao processo da alta hospitalar. A estratégia adotada permitiu detectar as intervenções mais efetivas e as que deverão ser reformuladas com toda equipe. Do ponto de vista teórico e metodológico, a experiência também permitiu observar os limites e potencialidades de ações que aproximam a área do saber científico e a promoção do aleitamento materno efetiva em atividades transdisciplinares. Considerar a educação em saúde como disciplina de ação significa dizer que o trabalho é dirigido para atuar sobre o conhecimento das pessoas, para que elas desenvolvam juízo crítico e capacidade de intervenção sobre suas próprias vidas e sobre o ambiente com o qual interagem e, assim, criarem condições para se apropriarem de sua própria existência.
Palavra-chave Breastfeeding
Premature
Health education
Health promotion
Disease prevention
Aleitamento materno
Prematuro
Educação em saúde
Promoção da saúde
Prevenção de doenças
Idioma Português
Data de publicação 2010-03-01
Publicado em Ciência & Saúde Coletiva. ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva, v. 15, n. 2, p. 411-417, 2010.
ISSN 1413-8123 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Extensão 411-417
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232010000200017
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000277574100017
SciELO S1413-81232010000200017 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5657

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-81232010000200017.pdf
Tamanho: 45.78KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta