Adaptação transcultural: tradução e validação de conteúdo para o idioma português do modelo da Tripartite Influence Scale de insatisfação corporal

Adaptação transcultural: tradução e validação de conteúdo para o idioma português do modelo da Tripartite Influence Scale de insatisfação corporal

Título alternativo Cross-cultural adaptation: translation and Portuguese language content validation of the Tripartite Influence Scale for body dissatisfaction
Autor Conti, Maria Aparecida Google Scholar
Scagliusi, Fernanda Baeza Autor UNIFESP Google Scholar
Queiroz, Gisele Kawamura de Oliveira Google Scholar
Hearst, Norman Google Scholar
Cordás, Táki Athanássios Google Scholar
Instituição Universidade de São Paulo (USP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
University of California School of Medicine
Resumo The aim of this study was to translate and adapt the Tripartite Influence Scale to the Portuguese language and evaluate its content validity and internal consistency. Six steps included: (1) translation; (2) back-translation; (3) technique revision and semantic evaluation; (4) conduct validation by professional experts (judges); (5) assessment of comprehensibility by the target population, using a verbal rating scale; and (6) evaluation of the internal consistency using Cronbach's alpha coefficient. The 43 questions were translated and adapted to the Portuguese language. The final version consisted of 39 items, with content validity for three constructs (media, family, and friends), clarity and easy understanding, and good internal agreement (Cronbach's alpha coefficients > 0.80). The instrument was successfully translated and adapted to Portuguese and showed good content validity, verbal comprehensibility, and internal consistency. Further analysis of external validity, equivalence of measurement, and reproducibility are necessary.

O objetivo do estudo foi traduzir e adaptar o instrumento Tripartite Influence Scale para o idioma português e avaliar sua validade de conteúdo e consistência interna. Envolveu seis etapas: (1) tradução; (2) re-tradução; (3) revisão técnica e avaliação semântica; (4) validação de conteúdo por profissionais da área - juízes; (5) avaliação do instrumento por uma amostra da população alvo, por meio da avaliação do grau de compreensão e (6) análise da consistência interna pelo coeficiente alfa de Cronbach. As 43 questões foram traduzidas e adaptadas para o idioma português. A versão final constou de 39 itens apresentando validação de conteúdo para os três construtos (mídia, família e amigos), clareza e fácil compreensão e boa concordância - valores do coeficiente de Cronbach superiores 0,80. O instrumento encontra-se traduzido e adaptado para o idioma português demonstrando bons resultados no processo de validação de conteúdo, compreensão verbal e consistência interna. São necessárias análises de validade externa, equivalência de mensuração e reprodutibilidade.
Palavra-chave Body Image
Eating Disorders
Adolescent
Imagem Corporal
Transtornos Alimentares
Adolescente
Idioma Português
Data de publicação 2010-03-01
Publicado em Cadernos de Saúde Pública. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz, v. 26, n. 3, p. 503-513, 2010.
ISSN 0102-311X (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Extensão 503-513
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2010000300008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000277561100008
SciELO S0102-311X2010000300008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5627

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-311X2010000300008.pdf
Tamanho: 124.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta