Distúrbios osteomusculares e o trabalho dos que cuidam de idosos institucionalizados

Distúrbios osteomusculares e o trabalho dos que cuidam de idosos institucionalizados

Título alternativo Musculoskeletal disorders and the care work of elderly in institutions
Autor Alencar, Maria do Carmo Baracho de Autor UNIFESP Google Scholar
Schultze, Vanessa Mann Google Scholar
Souza, Sandra Dias De Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Tuiuti do Paraná
Resumo INTRODUCTION: The musculoskeletal disorders still common next to workers and still a worry next to the theme of health promotion at work. OBJECTIVE: Investigate the relationship in between musculoskeletal disorders in workers that take care of elderly, conditions of work, and functional capacity of elderly, in institutions of Curitiba, PR. MATERIALS AND METHODS: Consisted of elaborating a questionnaire containing: demographic data, questions related to work, difficulties at work, and others; and the instruments Nordic Questionnaire for Musculoskeletal Disorders -QNSO, questions related to low back pain, and application of Barthel Index in the elderly attended by the workers. The questionnaires were applied as interview, and after occurred analyses of the tasks and systematic observations of activities, with Ergonomics basis. RESULTS: Participated 43 workers, both sexes that take care of 308 elderly assisted by them, in 14 institutions. The profession varied in people that take care of elderly, nurses' assistant, general services' assistance, and cleaners' assistant. Found musculoskeletal pain in the last thirty days in 62,7% of workers, and with prevalence in regions: low back, cervical, shoulders and knees; and 90,0% of the workers had only one employ. The work activities of major difficulties were: changing diaper, and postural changes. Also in some places the rhythm of work, temporal pressure, and low number of functionaries for de demands exegete, influenced in the presence of the pain. CONCLUSION: The study concluded that factors related to work organization influenced in the musculoskeletal disorders.

INTRODUÇÃO: Os distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho continuam comuns entre trabalhadores, e permanece a preocupação dentro do tema Promoção à saúde no trabalho. OBJETIVO: Investigar, em instituições na cidade de Curitiba, PR, as relações existentes entre as desordens osteomusculares de trabalhadores que cuidam de idosos, as condições de trabalho e a capacidade funcional dos idosos. MATERIAIS E MÉTODOS: Consistiram de elaboração de questionário contendo: dados demográficos, questões relacionadas ao trabalho, dificuldades no trabalho, entre outras; e os instrumentos: Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares (QNSO), com questões sobre a dor lombar, e aplicação do Índice de Barthel nos idosos atendidos pelos trabalhadores. Os questionários foram aplicados sob forma de entrevista e posteriormente ocorreram levantamentos das tarefas e observações sistemáticas das atividades, com base na Ergonomia. RESULTADOS: Participaram 43 trabalhadores que cuidam de idosos, de ambos os gêneros e de 14 instituições; e 308 idosos por eles assistidos. A profissão dos trabalhadores variou entre cuidadores de idosos, auxiliares de enfermagem, auxiliares de serviços gerais e limpeza. Foram encontrados sintomas de dores osteomusculares nos últimos 30 dias em 62,7% dos trabalhadores, sendo as regiões das dores mais prevalentes: lombar, cervical, ombros e joelhos; e 90,0% apresentaram um único emprego. As atividades de trabalho de maior dificuldade foram: troca de fraldas e transferências posturais. Em alguns locais, o ritmo de trabalho, pressão temporal e pequena quantidade de funcionários para as demandas exigidas, também influenciaram na presença de dores músculo-esqueléticas. CONCLUSÃO: Concluiu-se que fatores relacionados à organização do trabalho influenciaram nas desordens osteomusculares.
Palavra-chave WRMSD
Ergonomics
Care workers
DORT
Ergonomia
Cuidadores
Idioma Português
Data de publicação 2010-03-01
Publicado em Fisioterapia em Movimento. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, v. 23, n. 1, p. 63-72, 2010.
ISSN 0103-5150 (Sherpa/Romeo)
Publicador Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Extensão 63-72
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502010000100006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0103-51502010000100006 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5616

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-51502010000100006.pdf
Tamanho: 1.505MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta