Efeitos do exercício físico na qualidade de vida e nas alterações fisiológicas de pacientes com doença renal crônica avançada

Efeitos do exercício físico na qualidade de vida e nas alterações fisiológicas de pacientes com doença renal crônica avançada

Author Araújo, Cássio Luis da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Medeiros, Alessandra Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Introdução: A doença renal crônica (DRC) é definida pela perda lenta, gradual e irreversível da função renal. Atualmente essa doença é considerada como um problema de saúde pública devido suas elevadas taxas de morbi/mortalidade tendo impacto negativo na qualidade de vida (QV). Um planejamento de exercícios é essencial nesses pacientes, já que os mesmos se apresentam em acentuada redução da capacidade funcional e física. Objetivos: Realizar uma revisão de literatura sobre os efeitos do exercício físico na qualidade de vida e nas alterações fisiológicas de pacientes com DRC avançada. Materiais e métodos: Foram realizadas buscas nas bases LILACS, SCIELO e PUBMED, a partir das seguintes palavras-chave: treinamento físico; atividade física; função renal; dialise; qualidade de vida, encontrados a partir dos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) e Medical Subject Headings (MeSH), sendo selecionados artigos (ensaios clínicos controlados randomizados, experimentais e revisão de literatura) nos idiomas português, inglês e espanhol, publicados entre 1997 e 2016. Resultados: Foram localizados 84 artigos, sendo 37 da base de dados PUBMED, 14 LILACS e 33 da base SCIELO. Desses artigos encontrados, 68 observaram melhora da qualidade de vida e apenas 2 não encontraram alteração da capacidade funcional e qualidade de vida dos pacientes que foram submetidos ao programa de exercício. O principal método utilizado para avaliar a qualidade de vida foi o questionário SF-36. Conclusão: Por meio de programas de exercícios físicos pode-se ter melhoras na capacidade funcional dos indivíduos com DRC. Esses exercícios exercem efeitos benéficos sobre pacientes também em hemodiálise, contudo, deve-se considerar que a DRC, desempenha amplo impacto na QV, ocasionando inúmeras alterações e constantes desafios na vida diária desses doentes. É importante ressaltar que a melhora da QV é meta comum, e que refletir sobre estas práticas com objetivo de melhorá-las é um dos caminhos para a qualidade da assistência e um objetivo a ser alcançado.

Introduction: Chronic kidney disease (CKD) is defined by the slow, gradual and irreversible loss of renal function. Currently, this disease is considered a public health problem due to its high morbidity / mortality rates having a negative impact on quality of life (QoL). Exercise planning is essential in these patients, since they present a marked reduction in functional and physical capacity. Objectives: To carry out a review of the literature on the effects of physical exercise on quality of life and physiological changes in patients with advanced CKD. Materials and methods: We searched the LILACS, SCIELO and PUBMED databases, using the following keywords: physical training; physical activity; renal function; dialysis; quality of life, found from the Health Sciences Descriptors (DeCS) and Medical Subject Headings (MeSH), and selected articles (randomized controlled clinical trials, experimental trials and literature review) were published in the Portuguese, English and Spanish languages, published between 1997 and 2016. Results: 84 articles were identified, 37 of the PUBMED database, 14 LILACS and 33 of the SCIELO database. Of these articles, 68 observed improvement in quality of life and only 2 did not find alterations in the functional capacity and quality of life of the patients who were submitted to the exercise program. The main method used to evaluate quality of life was the SF-36 questionnaire. Conclusion: Through physical exercise programs, the functional capacity of individuals with CKD can be improved. These exercises have beneficial effects on patients also on hemodialysis, however, it should be considered that CKD has a broad impact on QoL, causing innumerable changes and constant challenges in the daily life of these patients. It is important to emphasize that improving QoL is a common goal, and to reflect on these practices in order to improve them is one of the ways for quality of care and a goal to be achieved.
Keywords Treinamento físico
Atividade física
Função renal
Dialise
Qualidade de vida
Physical training
Physical activity
Renal function
Dialysis
Quality of life
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2017-12-13
Published in ARAÚJO, Cássio Luis da Silva. Efeitos do exercício físico na qualidade de vida e nas alterações fisiológicas de pacientes com doença renal crônica avançada. 2017. 32 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2017.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 32 f.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/53714

Show full item record




File

Name: CÁSSIO ARAÚJO.pdf
Size: 850.3Kb
Format: PDF
Description: TCC
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account