Portal hypertensive response to kinin

Portal hypertensive response to kinin

Autor Kouyoumdjian, Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Nagaoka, Márcia Regina Autor UNIFESP Google Scholar
Loureiro-Silva, Mauricio R. Autor UNIFESP Google Scholar
Borges, Durval Rosa Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Portal hypertension is the most common complication of chronic liver diseases, such as cirrhosis. The increased intrahepatic vascular resistance seen in hepatic disease is due to changes in cellular architecture and active contraction of stellate cells. In this article, we review the historical aspects of the kallikrein-kinin system, the role of bradykinin in the development of disease, and our main findings regarding the role of this nonapeptide in normal and experimentalmodels of hepatic injury using the isolated rat liver perfusion model (mono and bivascular) and isolated liver cells. We demonstrated that: 1) the increase in intrahepatic vascular resistance induced by bradykinin is mediated by B2 receptors, involving sinusoidal endothelial and stellate cells, and is preserved in the presence of inflammation, fibrosis, and cirrhosis; 2) the hepatic arterial hypertensive response to bradykinin is calcium-independent and mediated by eicosanoids; 3) bradykinin does not have vasodilating effect on the pre-constricted perfused rat liver; and, 4) after exertion of its hypertensive effect, bradykinin is degraded by angiotensin converting enzyme. In conclusion, the hypertensive response to BK is mediated by the B2 receptor in normal and pathological situations. The B1 receptor is expressed more strongly in regenerating and cirrhotic livers, and its role is currently under investigation.

Hipertensão portal é a complicação mais comum das doenças crônicas do fígado, tais como cirrose. A resistência intravascular aumentada observada na doença hepática é devida a alterações na arquitetura celular e contração ativa das células estreladas. Neste trabalho revisamos aspectos históricos do estudo do sistema calicreína-cinina e os resultados de nossos estudos do papel deste nonapeptídeo no controle do tono vascular intra-hepático em condições normais e modelos experimentais de agressão hepática usando a perfusão de fígado isolado de rato (mono e bivascular) e células hepáticas isoladas. Nós demonstramos que: 1) o aumento da resistência vascular intrahepática induzido pela bradicinina é mediado por receptores B2, envolve a participação de células endoteliais sinusoidais e células estreladas e não é alterada pela presença de inflamação, fibrose ou cirrose; 2) a resposta hipertensiva induzida pela bradicinina no sistema arterial hepático é cálcio-independente emediada por eicosanóides; 3) bradicinina não tem efeito dilatador na circulação intra-hepática; 4) após exercer efeito vasoconstritor intra-hepático, a bradicinina é degradada pela enzima conversora de angiotensina. Em conclusão, a resposta hipertensiva à bradicinina é mediada pelo receptor B2 em condições normais e patológicas. Receptor B1 é expresso mais fortemente nos fígados em regeneração e cirróticos e seu papel está sob investigação.
Palavra-chave bradykinin
hepatic metabolism
portal hypertension
bradykinin receptors
bradicinina
metabolismo hepático
hipertensão porta
receptores de bradicinina
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Data de publicação 2009-09-01
Publicado em Anais da Academia Brasileira de Ciências. Academia Brasileira de Ciências, v. 81, n. 3, p. 431-442, 2009.
ISSN 0001-3765 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Academia Brasileira de Ciências
Extensão 431-442
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652009000300008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000269462300008
SciELO S0001-37652009000300008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5220

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0001-37652009000300008.pdf
Tamanho: 591.8KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta