Fatores de risco para sobrepeso entre adolescentes: análise de três cidades brasileiras

Fatores de risco para sobrepeso entre adolescentes: análise de três cidades brasileiras

Título alternativo Risk factors for overweight among adolescents: analysis of three Brazilian cities
Autor Ribeiro, Isabela da Costa Google Scholar
Colugnati, Fernando Antonio Basile Autor UNIFESP Google Scholar
Taddei, Jose Augusto de Aguiar Carrazedo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Pontifícia Universidade Católica do Paraná Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: The objective of this study was to conduct a comparative analysis of risk factors for overweight among adolescents from three Brazilian cities, Pelotas, São Paulo and Goiânia. METHODS: The three datasets derived from case-control studies that investigated risk factors for overweight/obesity among adolescents from the three cities. Adolescents were classified as overweight when body mass index exceeded the 85th percentile of the National Center for Health Statistics. Multivariate analysis using a hierarchical logistic regression model was performed. RESULTS: A total of 903 postpubertal adolescents were studied (443 cases and 460 controls). The unadjusted analysis combining the 3 datasets improved the power of associations when males and females were addressed separately. Maternal education <8 years doubled the risk of overweight among girls; parents' obesity was a strong predictor of adolescents' overweight; watching television for >4 hours was significantly associated with females' overweight but not males'; consumption of visible fat from meat increased the risk of overweight among boys by 70% while the consumption of fried foods had a negative association with girls' body mass index. Finally, alcohol consumption was significantly and inversely associated with overweight among boys only. CONCLUSION: Postpubertal girls from families with lower educational levels should receive special attention when strategies to prevent and control overweight are planned and executed.

OBJETIVO: Realizar análise comparativa de fatores de risco para sobrepeso em adolescentes de três cidades brasileiras, Pelotas, São Paulo e Goiânia. MÉTODOS: Os três bancos de dados são provenientes de estudos com delineamento do tipo caso-controle, que investigaram fatores de risco para sobrepeso/obesidade entre adolescentes das três cidades. Classificaram-se os adolescentes como sobrepeso quando o Índice de Massa Corporal estava acima do percentil 85 em relação ao padrão de referência do National Center for Health Statistcs. Procedeu-se à análise multivariada com modelo hierárquico de regressão logística. RESULTADOS: Foram estudados 903 adolescentes pós-púberes (443 casos e 460 controles). A análise não-ajustada dos três bancos de dados combinados aumentou o poder das associações quando meninos e meninas foram considerados separadamente. Educação materna menor ou igual a 8 anos duplicou o risco de sobrepeso entre meninas; obesidade dos pais esteve fortemente associada ao sobrepeso dos adolescentes; tempo de televisão maior ou igual a 4 horas associou-se ao sobrepeso apenas entre meninas; consumo de gordura visível da carne aumentou o risco de sobrepeso entre os meninos em 70% e consumo de frituras apresentou associação inversa entre as meninas. Finalmente, o consumo de álcool esteve significante e inversamente associado ao sobrepeso entre meninos. CONCLUSÃO: Meninas pós-púberes, provenientes de famílias com baixa escolaridade, devem receber atenção especial durante o planejamento e a execução de estratégias de prevenção e controle do sobrepeso.
Assunto Adolescent
Analytic Epidemiology
Body mass índex
Overweight
Adolescente
Epidemiologia analítica
Índice de massa corporal
Sobrepeso
Idioma Português
Data 2009-08-01
Publicado em Revista de Nutrição. Pontifícia Universidade Católica de Campinas, v. 22, n. 4, p. 503-515, 2009.
ISSN 1415-5273 (Sherpa/Romeo)
Editor Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Extensão 503-515
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1415-52732009000400006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1415-52732009000400006 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5182

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1415-52732009000400006.pdf
Tamanho: 352.5Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)