Sepse por Staphylococus aureus resistente à meticilina adquirida na comunidade no sul do Brasil

Sepse por Staphylococus aureus resistente à meticilina adquirida na comunidade no sul do Brasil

Título alternativo Sepsis due to community-acquired methicillin-resistant Staphylococcus aureus in southern Brazil
Autor Gelatti, Luciane Cristina Google Scholar
Sukiennik, Tereza Google Scholar
Becker, Ana Paula Google Scholar
Inoue, Fernanda Matsiko Autor UNIFESP Google Scholar
Carmo, Mirian Silva do Autor UNIFESP Google Scholar
Castrucci, Fernanda Marques da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Pignatari, Antonio Carlos Campos Autor UNIFESP Google Scholar
Ribeiro, Luis Carlos Google Scholar
Bonamigo, Renan Rangel Google Scholar
D'Azevedo, Pedro Alves Google Scholar
Instituição Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre Laboratório de Cocos Gram-positivos
Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Methicillin-resistant Staphylococcus aureus was initially described as a typical microorganism acquired in nosocomial infections. However, over recent years, community-acquired methicillin-resistant Staphylococcus aureus has been a cause of skin and soft-tissue infections. Serious infections such as pneumonia and sepsis can also occur. This report describes a case of sepsis in a child that was complicated by pneumonia secondary to soft tissue lesions that were due to community-acquired methicillin-resistant Staphylococcus aureus in southern Brazil. The patient was attended at the Emergency Unit with a history of injury caused by lower-limb trauma that evolved to cellulitis, pneumonia and sepsis.

Staphylococcus aureus resistente à meticilina foi inicialmente descrito como um típico microrganismo adquirido em infecções nosocomiais. No entanto, nos últimos anos Staphylococcus aureus resistente à meticilina adquirido na comunidade é causa de infecções de pele e tecidos moles, mas infecções graves como pneumonia e sepse podem ocorrer. Este relato descreve um caso de sepse em criança, complicado com pneumonia secundária a lesão em partes moles por Staphylococcus aureus resistente à meticilina adquirido na comunidade no Sul do Brasil. O paciente foi atendido em Unidade de Emergência com história de ferimento provocado por trauma em membro inferior que evoluiu para celulite, pneumonia e sepse.
Palavra-chave Staphylococcus aureus
Methicillin
Sepsis
Staphylococcus aureus
Meticilina
Sepse
Idioma Português
Data de publicação 2009-08-01
Publicado em GELATTI, Luciane Cristina et al. Sepse por Staphylococus aureus resistente à meticilina adquirida na comunidade no sul do Brasil. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2009, vol.42, n.4, pp.458-460
ISSN 0037-8682 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT
Extensão 458-460
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822009000400019
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000270455400019
SciELO S0037-86822009000400019 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5158

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0037-86822009000400019.pdf
Tamanho: 131.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta