Estudo da encapsulação de etinilestradiol e levonorgestrel

Estudo da encapsulação de etinilestradiol e levonorgestrel

Author Moreira, Vania Carolina Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Mercuri, Lucildes Pita Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Biologia química
Abstract ABSTRACT Currently, studies in nanotechnology have developed works using silica nanomaterials with different molecular structures, especially highlighting highly ordered mesoporous silicas, such as SBA-15. This silica was synthesized under acidic conditions by self-agglomeration with the poly (ethylene oxide) -poly (propylene oxide) -poly (ethylene oxide) triblock copolymer [EO20PO70EO20] and has high pore volume and surface area, besides stability Thermal, hydrothermal and mechanical. These characteristics make this mesostructured material promising to be used as a carrier vehicle for substances of a different nature. Polyurethane (PHB) and chitosan (QTS) are among the main polymers that have the characteristics of biocompatibility and biodegradability. Chitosan (QTS) has been widely used in drug delivery systems because it has low cost production, as it is found in shellfish shells and produced by the chitin deacetylation process. Ethinyl estradiol (EE) is an estrogen bioactive, and has been used in almost all contraceptive formulations, but also as a hormone repository. And, of course, its release will allow an increase in its therapeutic efficiency. Based on this report, it was justified to study the encapsulation of ethinyl estradiol and levonorgestrel (LEV) in the silica matrix SBA-15 and chitosan and to evaluate its controlled release in the in vitro system. The first results clearly show that the optimized methodology for the encapsulation of ethinyl estradiol and levonorgestel in SBA-15 and chitosan was satisfactory. The results of elemental analysis, TG / DTG, DSC of the encapsulated samples confirmed the presence of ethinyl in the supports, highlighting the use of acetone as the best secondary EE carrier solvent, suitable for this process.

RESUMO Atualmente, estudos em nanotecnologia têm desenvolvido trabalhos utilizando nanomateriais silicáticos com diferentes estruturas moleculares, destacando principalmente as sílicas mesoporosas altamente ordenadas, como por exemplo, a SBA-15. Essa sílica foi sintetizada sob condições ácidas pela autoagregação com o copolímero tribloco poli(óxido de etileno)-poli(óxido de propileno)-poli(óxido de etileno) [EO20PO70EO20] e, possui altos volume de poro e área superficial, além de estabilidade térmica, hidrotérmica e mecânica. Estas características tornam esse material mesoestruturado promissor para ser utilizado como veículo carreador de substâncias de natureza distinta. O poliuretano (PHB) e a quitosana (QTS) estão entre os principais polímeros que possuem as características de biocompatibilidade e biodegradabilidade. A quitosana (QTS) tem sido muito utilizada em sistemas de liberação de fármaco, por possuir uma produção de baixo custo. Pois, esta substância é encontrada em carapaças de crustáceos e produzida por processo de desacetilação da quitina. O Etinilestradiol (EE) é um bioativo de estrogênio e tem sido utilizado em quase todas as formulações de anticoncepcionais. O levonorgestrel (LEV) é um fármaco, também, utilizado em formulações de anticoncepcionais e contracepção de emergência. Ressalta-se que, tanto o EE quanto o LEV são utilizados como repositores hormonais. Acredita-se que o estudo de liberação destes fármacos permitirá um aumento da eficiência de atuação dos mesmos a nível terapêutico. Com base nesse relato, justificasse estudar a encapsulação do Etinilestradiol e do Levonorgestrel na matriz de sílica SBA-15 e na quitosana. Os primeiros resultados mostram, claramente, que a metodologia otimizada para a encapsulação do Etinilestradiol e do levonorgestel na SBA-15 e na quitosana foi satisfatória. Os resultados de Análise Elementar (AE), Espectroscopia de Absorção da Região do Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR), Termogravimetria/Termogravimetria derivada (TG/DTG) e Calorimetria Exploratória Diferencial (DSC) das amostras encapsuladas confirmaram a presença dos fármacos nos suportes, destacando a utilização da acetona como melhor solvente transportador dos hormônios, apropriado para esse processo.
Keywords Silica Sba-15
Chitosan
Ethinylestradiol
Levonorgestrel
Controlled Release
Sílica Sba-15
Quitosana
Etinilestradiol
Levonorgestrel
Liberação Controlada
Language Portuguese
Date 2017-06-05
Research area Biologia De Sistemas
Knowledge area Ciências biológicas
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 64p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5621366
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50671

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account