A Internacionalização Do Ensino Superior Na Universidade Federal De São Paulo: O Programa Ciências Sem Fronteiras Na Graduação Em Saúde

A Internacionalização Do Ensino Superior Na Universidade Federal De São Paulo: O Programa Ciências Sem Fronteiras Na Graduação Em Saúde

Author Timoteo, Varner Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Batista, Nildo Alves Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ensino Em Ciências Da Saúde
Abstract The internationalization of higher education in Brazil has been evolving throughout its history. Internationalization has been considered a major challenge for higher education around the world, presenting itself with great force, imposing the need for institutional changes. Not being different in reality from the Federal University of São Paulo. In 2011, the Federal Government launched the Science without Frontiers (CsF) Program, which brought a proposal never before seen in UNIFESP, that is, the mobility of undergraduate students for a longer period, which fostered this research. The objective of this study was to investigate the internationalization process of undergraduate students in the health area under the Science without Borders Program at UNIFESP. Research 210 health students from the years 2011 to 2015 participated in this study. A combination of quantitative and qualitative methodologies will be used to carry out this research. In the quantitative approach, the Likert Scale was used and the thematic analysis was used in the qualitative approach. This study aims to understand how the students' expectations of an exchange can influence their personal and professional life, what obstacles this student may encounter throughout the Program, what suggestions the student can present to the Program and what the results of the exchange in the view of the student.

A internacionalização do ensino superior no Brasil vem evoluindo ao longo de sua história, sendo considerada um grande desafio para a educação superior em todo o mundo e apresentando-se com grande força, impondo a necessidade de mudanças institucionais. No ano de 2011, o Governo Federal lança o Programa Ciência sem Fronteiras (CsF), que trouxe uma proposta de mobilidade de alunos de graduação por um período mais extenso. O objetivo deste estudo foi investigar o processo de internacionalização dos estudantes de graduação da área da saúde no âmbito do Programa Ciências sem Fronteiras na Universidade Federal de São Paulo. Participaram desta pesquisa 210 estudantes da área da saúde que fizeram o intercâmbio entre os anos de 2011 a 2015. Para realização dessa pesquisa foi utilizada a combinação de metodologias quantitativas e qualitativas. Na abordagem quantitativa foi utilizada a Escala tipo Likert e na abordagem qualitativa foi utilizada a análise temática de questões abertas. Esse estudo visa compreender como a expectativa do aluno em realizar um intercâmbio possa influencias em sua vida pessoal e profissional, quais obstáculos esse aluno possa encontrar ao longo do Programa, que sugestões o estudante possa apresentar ao Programa e quais os resultados do intercâmbio na visão do aluno.
Keywords Internation Education Exchang
Students
Health Occupations
Internationality
Intercâmbio Educacional Internacional
Estudantes De Ciência Da Saúde
Internacionalidade
Language Portuguese
Date 2017-03-29
Research area Avaliação, Currículo, Docência E Formação Em Saúde
Knowledge area Multidisciplinar
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 53p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5027015
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49892

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account