Avaliação de critérios para o diagnóstico de asma através de um questionário epidemiológico

Avaliação de critérios para o diagnóstico de asma através de um questionário epidemiológico

Título alternativo Evaluation of criteria for the diagnosis of asthma using an epidemiological questionnaire
Autor Wandalsen, Neusa Falbo Autor UNIFESP Google Scholar
Gonzalez, Cássia Google Scholar
Wandalsen, Gustavo Falbo Autor UNIFESP Google Scholar
Solé, Dirceu Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Faculdade de Medicina do ABC Departamento de Pediatria
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate criteria for the diagnosis of asthma in an epidemiological survey. METHODS: Adolescents (13-14 years of age) and legal guardians of schoolchildren (6-7 years of age) in the city of Santo André, Brazil, completed the International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC) standard written questionnaire. Affirmative responses regarding wheezing within the last 12 months, asthma ever, bronchitis ever (question added at the end of the questionnaire), as well as the overall ISAAC score above the predefined cutoff points, were considered indicative of asthma. RESULTS: The legal guardians of 2,180 schoolchildren and 3,231 adolescents completed the questionnaires properly. Depending on the criterion adopted, the prevalence of asthma ranged from 4.9% to 26.8% for the schoolchildren and from 8.9% to 27.9% for the adolescents. The criteria with the lowest and highest prevalences were, respectively, physician-diagnosed asthma and physician-diagnosed bronchitis. When compared with other criteria, physician-diagnosed bronchitis showed concordance levels between 71.9% and 79.4%, positive predictive values between 0.16 and 0.63 and poor concordance (kappa: 0.21-0.46). Strong concordance levels were found only between wheezing within the last 12 months and the overall ISAAC score (kappa: 0.82 and 0.98). CONCLUSIONS: The prevalence of asthma varied significantly, depending on the criterion adopted, and there was poor concordance among the criteria. Wheezing within the last 12 months and the overall ISAAC score are the best criteria for the diagnosis of asthma, whereas the question regarding bronchitis ever did not improve the questionnaire. Modifications in this instrument can make it difficult to draw comparisons and should therefore be carefully evaluated.

OBJETIVO: Avaliar critérios para o diagnóstico de asma em um estudo epidemiológico. MÉTODOS: Adolescentes (13-14 anos) e responsáveis por escolares (6-7 anos) do município de Santo André, São Paulo, responderam o questionário escrito padrão do International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC). Respostas afirmativas quanto a ter sibilos nos últimos 12 meses, ter asma ou ter bronquite (pergunta adicionada ao final do questionário), assim como o escore global do ISAAC acima dos pontos de corte pré-definidos, foram consideradas como indicativo de asma. RESULTADOS: Os questionários foram adequadamente preenchidos por 2.180 responsáveis por escolares e 3.231 adolescentes. Dependendo do critério empregado, a prevalência de asma variou de 4,9% a 26,8% para os escolares, e de 8,9% a 27,9% para os adolescentes. Os critérios com as menores e maiores prevalências foram, respectivamente, diagnóstico médico de asma e diagnóstico médico de bronquite. A análise comparativa entre o diagnóstico médico de bronquite e os demais critérios mostrou níveis de concordância entre 71,9% e 79,4%, valores preditivos positivos entre 0,16 e 0,63 e concordância fraca (kappa: 0,21-0,46). Índices elevados de concordância foram observados entre sibilos nos últimos 12 meses e o escore global do ISAAC (kappa: 0,82 e 0,98). CONCLUSÕES: A prevalência de asma variou significantemente, de acordo com o critério diagnóstico adotado, e houve baixa concordância entre os critérios. Sibilos nos últimos 12 meses e o escore global do ISAAC são os critérios mais recomendados para se diagnosticar asma, ao passo que a pergunta bronquite alguma vez não demonstrou melhorar o questionário. Modificações nesse instrumento devem ser cuidadosamente avaliadas e podem dificultar comparações.
Palavra-chave Asthma
Bronchitis
Diagnosis
Epidemiology
Child; Adolescent
Asma
Bronquite
Diagnóstico
Epidemiologia
Criança
Adolescente
Idioma Português
Data de publicação 2009-03-01
Publicado em Jornal Brasileiro de Pneumologia. Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia, v. 35, n. 3, p. 199-205, 2009.
ISSN 1806-3713 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia
Extensão 199-205
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37132009000300002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000269019600002
SciELO S1806-37132009000300002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4955

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1806-37132009000300002-en.pdf
Tamanho: 134.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S1806-37132009000300002-pt.pdf
Tamanho: 140.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta