Mulheres militantes : retratos das figuras femininas no cinema sobre a ditadura militar brasileira

Mostrar registro simples

dc.contributor.advisor Matos, Yanet Aguilera Viruez Franklin de [UNIFESP]
dc.contributor.author Silva, Isabela Vasconcelos [UNIFESP]
dc.coverage.spatial Guarulhos pt_BR
dc.date.accessioned 2019-01-09T19:48:50Z
dc.date.available 2019-01-09T19:48:50Z
dc.date.issued 2018-12-11
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49160
dc.format.extent 195 f. pt_BR
dc.language por pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo pt_BR
dc.rights Acesso aberto pt_BR
dc.subject Mulheres militantes pt_BR
dc.subject Cinema pt_BR
dc.subject Ditadura militar brasileira pt_BR
dc.title Mulheres militantes : retratos das figuras femininas no cinema sobre a ditadura militar brasileira pt_BR
dc.type Trabalho de conclusão de curso de graduação pt_BR
unifesp.campus Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH) pt_BR
dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0964792926987907 pt_BR
dc.description.resumo Esta monografia se debruça sobre a análise das personagens femininas de três filmes sobre a ditadura militar brasileira, sendo eles: O ano em que meus pais saíram de férias (2006), de Cao Hamburger, Cabra-Cega (2004), de Toni Venturi e Trago Comigo (2015), de Tata Amaral. Esta análise tem como objetivo observar como estes filmes constroem o retrato das mulheres militantes que aparecem neles, para entender como estes eles refletem sobre a participação das mulheres nos grupos de resistência ao regime militar. pt_BR
unifesp.departamento História da Arte pt_BR
unifesp.graduacao História da Arte pt_BR



Arquivos deste item

Nome: MULHERES MILITA ... URA MILITAR BRASILEIRA.pdf
Tamanho: 2.430Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples