Comparação do desempenho de pré-escolares, mediante teste de desenvolvimento de Denver, antes e após intervenção nutricional

Comparação do desempenho de pré-escolares, mediante teste de desenvolvimento de Denver, antes e após intervenção nutricional

Título alternativo Comparison of preschool children´s performance through Denver developmental test, before and after nutritional supplement
Autor Fisberg, Mauro Autor UNIFESP Google Scholar
Pedromônico, Márcia Regina Marcondes Autor UNIFESP Google Scholar
Braga, Josefina Aparecida Pellegrini Autor UNIFESP Google Scholar
Ferreira, A.m.a. Google Scholar
Pini, C. Google Scholar
Campos, S.c.c. Google Scholar
Lemes, S.o. Google Scholar
Silva, S. Google Scholar
Silva, Rebeca de Souza e Autor UNIFESP Google Scholar
Andrade, T.m. Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Prefeitura de São Paulo Secretaria de Bem Estar Social e da Família
Resumo Psychomotor and development analysis must be emphasized when studying institutionalized children. Many previous investigations have been showing deleterious effects of day care centers over developmental performance in children. OBJECTIVE. This study is aimed at comparing the performance in the Development Screening Test (Denver) in children attending day care centers, before and after nutritional intervention with an energetic supplement enriched with iron. METHOD. 130 children from 2 to 6 years old, attending three municipal day care centers, were evaluated by means of the application of the Denver test, by trained psychologists, comparing the collected data according to sex and age group, before and after six months intervention with iron enriched protein energetic supplement. RESULTS. Most of the children had normal performance, both in first application (70.80%), and in the second one (80.80%). When comparing these results, 76.92% of the children had not altered their performance and 18.46% improved it substantially. As to sex, no significant differences were found and as to age group, there was significant improvement among children aged 4 to 6 years of age. CONCLUSIONS. Besides the nutritional aspects, factors such as learning readiness, family organization, and psychopedagogic orientation to the day care centers, must have fostered development, even if the low socioeconomic level of the studied population is considered.

A análise de performance psicomotora de crianças institucionalizadas é de fundamental importância no planejamento de atividades educativas. Estudos anteriores têm mostrado prejuízos desta função em crianças de creches. OBJETIVO. Comparar o desempenho no teste de triagem de Denver em crianças de 2 a 6 anos de idade, de creches conveniadas com a Prefeitura de São Paulo, antes e após seis meses de intervenção nutricional com suplemento alimentar enriquecido com ferro. MÉTODO. Foram analisadas 130 crianças de 2 a 6 anos de idade, em três creches municipais de São Paulo, aplicando-se o teste de Denver, por psicólogas treinadas, comparando-se os resultados de acordo com o sexo, faixa etária e estado nutricional, antes e após período de suplementação alimentar. RESULTADOS. A maior parte das crianças teve desempenho normal, tanto na primeira aplicação (70,80%), como na segunda (80,80%), sem modificação do estado nutricional. Na comparação dos resultados, 76,92% não modificaram o desempenho e 18,46% melhoraram significativamente. Em relação ao sexo, não foram encontradas diferenças significantes, enquanto que, para a faixa etária, houve melhora significante entre as crianças de 4 a 6 anos. CONCLUSÕES. Além do aspecto nutricional, fatores como prontidão para aprendizagem, organização familiar e orientação psicopedagógica das creches devem estar favorecendo o desenvolvimento, mesmo considerando-se o baixo nível socioeconômico da população estudada.
Palavra-chave Development
Denver test
Day care centers
Food supplement
Desenvolvimento
Teste de Denver
Creche
Suplemento alimentar
Idioma Português
Data de publicação 1997-06-01
Publicado em Revista da Associação Médica Brasileira. Associação Médica Brasileira, v. 43, n. 2, p. 99-104, 1997.
ISSN 0104-4230 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Médica Brasileira
Extensão 99-104
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42301997000200004
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-42301997000200004 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/491

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-42301997000200004.pdf
Tamanho: 63.39KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta