Análise linguística de pacientes com transtorno de estresse pós-traumático que passaram por tratamento em ambulatório de especialidade: uma abordagem qualitativa

Análise linguística de pacientes com transtorno de estresse pós-traumático que passaram por tratamento em ambulatório de especialidade: uma abordagem qualitativa

Author Pedrini, Joao Alencar Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Mello, Marcelo Feijo de Mello Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psiquiatria e Psicologia Médica
Abstract Objetivo: Esta dissertação analisa pelo ponto de vista da linguística o discurso de pacientes com Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT) tratados em ambulatório de especialidade. Métodos: A pesquisa qualitativa foi utilizada para analisar as entrevistas individuais de 11 participantes, oito do sexo feminino e três do sexo masculino. As entrevistas seguiram roteiro semiestruturado abordando o evento traumático e o tratamento em ambulatório de especialidade. A Análise de Discurso foi utilizada para codificar os achados e criar categorias. Resultados: Os resultados apresentaram a dificuldade em falar sobre o evento traumático. A análise de discurso identificou as seguintes categorias da linguagem típica do trauma: repetição, ?não consigo?, discurso circular, interrupção, linguagem privada e experiência única de medo e morte. Elementos linguísticos no discurso apontaram para uma linguagem tautológica e solipsista. Segundo o filósofo Ludwig Wittgenstein a tautologia é caracterizada pela repetição de enunciados mencionados anteriormente e que não ampliam o conhecimento. O solipsismo representa a ideia de que nada existe além do próprio sujeito e dos conteúdos de sua mente. Conclusões: A análise linguística contribuiu para a identificação de elementos que assinalam um discurso típico do sujeito diagnosticado com TEPT em ambulatório de especialidade. A melhora clínica, mas um discurso ainda marcado pelo trauma, do ponto de vista linguístico, aponta para futuras investigações de desafios ainda presentes no tratamento de quadros traumáticos. DESCRITORES: Linguísica, TEPT, TEA, Violência, Wittgenstein, Tautologia, Solipsismo
Keywords linguística
tept
tea
trauma
violência
Language Portuguese
Date 2015-11-16
Published in PEDRINI, Joao Alencar. Análise linguística de pacientes com transtorno de estresse pós-traumático que passaram por tratamento em ambulatório de especialidade: uma abordagem qualitativa. 2015. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2688969
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48663

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account