Influence of schooling on language abilities of adults without linguistic disorders

Influence of schooling on language abilities of adults without linguistic disorders

Título alternativo Influência da escolaridade na linguagem de adultos sem queixas linguísticas
Autor Soares, Ellen Cristina Siqueira Autor UNIFESP Google Scholar
Ortiz, Karin Zazo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo CONTEXT AND OBJECTIVE: In order to properly assess language, sociodemographic variables that can influence the linguistic performance of individuals with or without linguistic disorders need to be taken into account. The aim of this study was to evaluate the influence of schooling and age on the results from the Montreal Toulouse (Modified MT Beta-86) language assessment test among individuals without linguistic disorders. DESIGN AND SETTING: Cross-sectional study carried out between March 2006 and August 2007 in the Speech, Language and Hearing Pathology Department of Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, Brazil. METHODS: Eighty volunteers were selected. Schooling was stratified into three bands: A (1-4 years), B (5-8 years) and C (nine years and over). The age range was from 17 to 80 years. All the subjects underwent the Montreal Toulouse (Modified MT Beta-86) language assessment protocol. RESULTS: Statistically significant differences were found in relation to schooling levels, in the tasks of oral comprehension, reading, graphical comprehension, naming, lexical availability, dictation, graphical naming of actions and number reading. Statistically significant age-related differences in dictation and lexical availability tasks were observed. CONCLUSIONS: The Montreal Toulouse (Modified MT Beta-86) test seems to be sensitive to variations in schooling and age. These variables should be taken into account when this test is used for assessing patients with brain damage.

CONTEXTO E OBJETIVO: Para que a avaliação de linguagem seja adequada, faz-se necessário verificar a influência de variáveis sócio-demográficas que possam interferir no desempenho linguístico de indivíduos sem queixas linguísticas e de sujeitos com alterações de linguagem. O objetivo do estudo foi avaliar a influência da escolaridade e da idade no resultado do teste de avaliação de linguagem de Montreal Toulouse (MT Beta-86 Modificado) em pessoas sem queixas linguísticas. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo transversal, desenvolvido entre março de 2006 a agosto de 2007, no Departamento de Fonoaudiologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). MÉTODOS: Foram selecionados 80 sujeitos voluntários. A escolaridade variou em três faixas: A (1-4 anos), B (5-8 anos) e C (9 anos e acima). A idade variou entre 17 e 80 anos. Todos os sujeitos foram submetidos ao protocolo de avaliação de linguagem Montreal Toulouse (MT Beta-86 Modificado). RESULTADOS: Foram verificadas diferenças estatisticamente significantes segundo a escolaridade nas tarefas de compreensão oral, leitura, compreensão gráfica, denominação, disponibilidade lexical, ditado, denominação gráfica de ações e leitura de números. Em relação à idade, verificamos diferenças estatisticamente significantes nas tarefas de ditado e disponibilidade lexical. CONCLUSÕES: As provas do teste Montreal Toulouse (MT Beta-86 Modificado) parecem ser sensíveis à variação de escolaridade e idade. Estas variáveis devem ser levadas em consideração quando o teste é utilizado para avaliação de sujeitos com lesão cerebral.
Palavra-chave Language
Educational status
Language tests
Evaluation studies [Publication type]
Adult
Linguagem
Escolaridade
Testes de linguagem
Estudo de avaliação
Adulto
Idioma Inglês
Data de publicação 2009-01-01
Publicado em SOARES, Ellen Cristina Siqueira; ORTIZ, Karin Zazo. Influence of schooling on language abilities of adults without linguistic disorders. Sao Paulo Med. J., São Paulo , v. 127, n. 3, p. 134-139, 2009
ISSN 1516-3180 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Associação Paulista de Medicina - APM
Extensão 134-139
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802009000300005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000270685700005
SciELO S1516-31802009000300005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4849

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-31802009000300005.pdf
Tamanho: 161.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta