Impacto da artrodese na configuração da caixa torácica, qualidade de vida e função pulmonar em pacientes com escoliose idiopática do adolescente

Impacto da artrodese na configuração da caixa torácica, qualidade de vida e função pulmonar em pacientes com escoliose idiopática do adolescente

Author Reboucas, Fabiola Pereira Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Crescentini, Milena Carlos Vidotto Crescentini Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Interdisciplinar em Ciências da Saúde
Abstract Purpose: To evaluate the changes of the rib cage, quality of life, respiratory muscle strength and lung function in the preoperative and postoperative arthrodesis in patients with AIS. Methods: This was a longitudinal observational study which evaluated 18 patients with AIS classified as Lenke type I, with an indication for surgical correction. Patients were evaluated in the preoperative (PRE), in the postoperative period of two months (PO1) and late postoperative period of one year (POT). To perform photogrammetry software was used SAPO through which they were created angles (A) and distances (D): A1: right acromium/manubrium/left acromium, A2: right acromium/xiphoid/left acromium, A3: last rib false right/ xiphoid/last rib false left, A5: acromium/inferior angle the capula/inframamilar(bilateral), A6: C7/acromium/T3 (bilateral), A7: intersection of segments tangents to the angles of the upper and lower scapulas, D3: xiphoid/anterior iliac spine (bilateral). We assessed quality of life using a specific questionnaire for AIS, the SRS-30, lung function and respiratory muscle strength in all three periods. To compare the variables in the periods, was used for analysis of variance with repeated measure and multiple comparison Method of Bonferroni. For all analyzes were considered statiscally significant at p ≤ 0,05. Results: A significant increase of the angles and distances thoracic A3, A5, A6 and D3D and significant decrease of the A1, A2 and A7 mainly between PRE and POT. All domains of the questionnaire of quality of life and the SRS-30 total score showed significant increase in periods PO1 and POT compared to PRE. The FVC showed an increase in the POT when compared with PRE and PO1. FEV1 also showed an increase in the POT when compared to PRE . Conclusion: After the arthrodesis for the correction of AIS, patients showed changes in the rib cage, improved quality of life and lung function in the postoperative two months and one year.

A escoliose idiopática do adolescente (EIA) é uma deformidade tridimensional da coluna vertebral que gera alterações na biomecânica da caixa torácica. Objetivos: Avaliar alterações da caixa torácica, qualidade de vida, força dos músculos respiratórios e função pulmonar no pré e no pós-operatório de artrodese em pacientes com EIA. Métodos: Este foi um estudo observacional longitudinal no qual foram avaliados 18 pacientes com EIA classificados como Lenke tipo I com indicação cirúrgica para a correção. Os pacientes foram avaliados no período pré-operatorio (PRÉ), no período pósoperatório de dois meses (PO1) e no pós-operatório tardio de um ano (POT). Para a realização da fotogrametria foi utilizado o Software SAPO, por meio do qual foram criados ângulos (A) e distâncias (D). A1: acrômio direito /manúbrio/acrômio esquerdo, A2: acrômio direito/processo xifóide/acrômio esquerdo, A3: última costela falsa direita/processo xifóide/última costela falsa esquerda, A5: acrômio/ ângulo inferior da escápula/inframamilar (bilateral), A6: C7/acrômio/T3 (bilateral) e A7: intersecção dos segmentos tangentes aos ângulos superiores e inferiores das escápulas, D3: processo xifóide/espinha ilíaca ântero-superior, todas bilaterais. Foram avaliadas a qualidade de vida utilizando um questionário específico para EIA (SRS-30), a função pulmonar e a força de músculos respiratórios nos três períodos. Para comparar as variáveis nos períodos foi empregado o modelo de análise de variância com medidas repetidas e o método de comparações múltiplas de Bonferroni. Para todas as análises foram considerados significantes valores de p≤ 0,05. Resultados: Houve aumento significante dos ângulos e distâncias torácicas A3, A5, A6 e D3D e diminuição significante do A1, A2 e A7 principalmente entre o PRE e POT. Todos os domínios do questionário de qualidade de vida SRS-30 e a pontuação total apresentaram aumento significante nos períodos PO1 e POT em comparação ao PRE. A CVF apresentou aumento no POT quando comparado com o PRE e PO1. O VEF1 também apresentou aumento no POT quando comparado ao PRE. Conclusão: Após a realização da artrodese para a correção da EIA, os pacientes apresentaram modificações na caixa torácica, melhora na qualidade de vida e melhora na função pulmonar tanto no pósoperatório de dois meses como após um ano.
Keywords escoliose
qualidade de vida
teste de função pulmonar
tórax
fotogrametria
Language Portuguese
Date 2013-07-31
Published in REBOUCAS, Fabiola Pereira. Impacto da artrodese na configuração da caixa torácica, qualidade de vida e função pulmonar em pacientes com escoliose idiopática do adolescente. 2013. 81 f. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Santos, 2013.
Research area Interdisciplinar
Knowledge area Multidisciplinar
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 81 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=97781
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48436

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account