Diagnóstico clínico-molecular, prognóstico e avaliação da expressão gênica de vias de tumorigênese para individualização do seguimento clínico de pacientes com carcinoma medular da tiroide

Diagnóstico clínico-molecular, prognóstico e avaliação da expressão gênica de vias de tumorigênese para individualização do seguimento clínico de pacientes com carcinoma medular da tiroide

Author Lindsey, Susan Chow Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Silva, Magnus Regios Dias da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Endocrinologia Clínica)
Abstract O conjunto dos nossos resultados somados àqueles observados na literatura apontam para um cenário de manejo do carcinoma medular da tiroide dentro de uma estratégia cada vez mais individualizada, tanto no aspecto do diagnóstico clínicogenético, quanto na abordagem terapêutica inicial e no seguimento clínico pósoperatório. Conseguimos demonstrar a detecção de mRNA circulante em sangue periférico de marcadores de vias tumorais em pacientes com CMT, buscando uma avaliação de cada via em tempo real a despeito da avaliação prognóstica determinada pela avaliação estática de parâmetros anátomo-patológicos tradicionais. Nesse sentido, verificamos aumento da expressão de mRNA do receptor Smoothened e diminuição da expressão de SUFU em sangue periférico de pacientes com carcinoma medular da tiroide persistente, sugerindo ativação da via Hedgehog. Este achado aponta para uma opção na individualização do tratamento destes pacientes, melhorando a seleção para estudos futuros com terapia alvo (Artigo 1). Quanto ao diagnóstico clínico-genético do CMT concluímos que a avaliação estendida do gene RET deve ser indicada em situações bastante específicas, não havendo benefício em estender a análise genética para toda a região codificadora de forma rotineira. No entanto, a ponderação entre os benefícios clínicos e custo para estender o sequenciamento germinativo ou sequenciar o tecido tumoral poderá auxiliar o médico assistente na tomada de decisão sobre a estratégia de investigação genética (Artigo 2). Concluímos também que, para melhorar a individualização do seguimento clínico pós-operatório do CMT, a estratificação de risco através da avaliação da resposta ao tratamento inicial e realizada de forma dinâmica fornece informações mais úteis quanto ao prognóstico e à previsão de desfechos clínicos quando comparada ao estadiamento tradicional. Isto favorece uma estratégia de acompanhamento de acordo com variáveis dinâmicas em curso do paciente e não baseada em parâmetros anatômicos iniciais (Artigo 3).
Keywords carcinoma medular da tiroide
Language Portuguese
Date 2015-04-29
Published in LINDSEY, Susan Chow. Diagnóstico clínico-molecular, prognóstico e avaliação da expressão gênica de vias de tumorigênese para individualização do seguimento clínico de pacientes com carcinoma medular da tiroide. 2015. 214 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 214 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2434286
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48229

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account