Aspectos psicocognitivos de cuidadores de pacientes pediátricos com doenças reumáticas crônicas e sua relação com a adesão ao tratamento

Aspectos psicocognitivos de cuidadores de pacientes pediátricos com doenças reumáticas crônicas e sua relação com a adesão ao tratamento

Autor Keppeke, Livia de Freitas Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Len, Claudio Arnaldo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Pediatria e Ciências Aplicadas à Pediatria
Resumo Introdução: As doenças reumáticas pediátricas têm um impacto significativo na qualidade de vida dos pacientes e seus familiares. Regimes de tratamento médico para essas doenças são complexos e exigem adesão constante por longo período de tempo, para que os efeitos benéficos sejam observados e para a minimização dos efeitos adversos. Todos esses fatores contribuem para o risco de baixa aderência. Estudos de adesão em pediatria têm focado em fatores psicossociais e relativos à doença, entretanto, pouco se sabe a respeito da relação dos fatores comportamentais e cognitivos dos cuidadores sobre a adesão desses pacientes. Objetivo. Este estudo avaliou a associação da adesão ao tratamento medicamentoso com os aspectos psicocognitivos dos cuidadores primários. A satisfação com o tratamento, fatores sociodemográficos e familiares dos cuidadores e pacientes também foram avaliados. Métodos. Participaram do estudo, cuidadores primários (n=90) e pacientes maiores de 10 anos (n=63) acompanhados em um ambulatório de Reumatologia Pediátrica. Os participantes foram classificados nos grupo com Boa Adesão (n=50 cuidadores) e Baixa Adesão (n=40 cuidadores) de acordo com Teste de Adesão Medicamentosa de Morisky, Green e Levine. Utilizamos escalas para avalição do perfil da funcionalidade familiar, da satisfação com o tratamento e do perfil comportamental e cognitivo. Resultados: No grupo com Baixa Adesão predominaram cuidadores com perfil de problemas emocionais e comportamentais como dificuldades com organização e planejamento, problemas externalizantes, problemas de depressão, comportamento agressivo, comportamento intrusivo e isolamento. Pacientes que eram os únicos responsáveis pela administração das medicações, de faixa etária mais avançada e provenientes de famílias com mais filhos também predominaram no grupo com Baixa Adesão. O nível socioeconômico, aspectos clínicos, satisfação com o tratamento, funcionalidade familiar e perfil cognitivo mostraram-se semelhantes entre os cuidadores nos grupos com Boa Adesão e Baixa Adesão. Conclusão. Observamos associação entre cuidadores com perfis indicativos de problemas comportamentais e emocionais com a baixa adesão. As funções cognitivas dos cuidadores não interferiram na adesão. Pacientes pediátricos de faixa etária mais avançada mostraram-se menos propensos a aderir ao tratamento. Conclusões: Nossos dados indicam a necessidade de intervenções psicossociais em famílias de pacientes que apresentam baixa adesão, além de novos estudos direcionados para a investigação das características emocionais e comportamentais dos cuidadores e pacientes, principalmente na fase da adolescência.
Assunto adesão à medicação
doenças reumáticas
relações familiares
cuidadores/psicologia
pediatria
Idioma Português
Data 2015-08-13
Publicado em KEPPEKE, Livia de Freitas. Aspectos psicocognitivos de cuidadores de pacientes pediátricos com doenças reumáticas crônicas e sua relação com a adesão ao tratamento. 2015. 74 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Linha de pesquisa Medicina
Área de concentração Ciências da saúde
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 74 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2700939
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48113

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)