Efeitos do "whey protein" e albumina sobre os fatores de risco para litíase renal

Efeitos do "whey protein" e albumina sobre os fatores de risco para litíase renal

Author Hattori, Camila Mithie Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Heilberg, Ita Pfeferman Heilberg Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Nefrologia)
Abstract Objectives Protein supplements are consumed by athletes and recreationally active adults for an expected increase in muscle mass, improved exercise recovery and improved performance. We aimed to evaluate the effects of whey protein (WP) and albumin supplementation on the risk factors for nephrolithiasis in healthy subjects. Research Methods & Procedures WP or albumin supplements (one scoop/day) were administered for 3 days to eighteen healthy volunteers, with one week washout period between them. Serum and 24-hour urine samples were collected at baseline and after completing each phase of supplementation. All participants were asked to replicate their baseline diet during the subsequent urine collections. Results After WP or albumin, mean protein equivalent of nitrogen appearance (PNA) was significantly higher (p<0.001), but mean urinary calcium, phosphorus, sodium, potassium, uric acid, citrate, oxalate, magnesium, creatinine, pH and urinary saturation indices did not differ from baseline. Individual increases higher than 50% in urinary calcium were observed in 39% of the individuals and variable decreases in urinary pH in 44% and 67% of them, after WP or albumin, respectively. Increases higher than 50% in urinary sodium occurred in one third of them after albumin. Conclusion A short-term consumption of one scoop of WP or albumin by healthy subjects Anexos 63 under controlled diet did not induce significant changes in the mean values of lithogenic parameters. However, the wide individual variation observed for urinary calcium, sodium and pH suggest close monitoring of their levels and adequacy of diet in case of supplementation by stone formers.

A utilização de suplementos proteicos tornou-se um hábito comum entre atletas ou até mesmo entre indivíduos praticantes de qualquer nível de atividade física, com o intuito de aumentar a massa muscular e melhorar o desempenho durante os exercícios. O consumo excessivo de proteína de origem animal tem sido relacionado a alterações metabólicas urinárias envolvidas na formação de cálculos renais. O presente estudo visou avaliar os efeitos de suplementos à base de ?whey protein? (WP) ou de albumina sobre os fatores de risco para litíase renal. Foram incluídos 18 voluntários sadios, os quais consumiram suplementos de WP ou albumina (1 medida/dia) durante 3 dias, com uma semana de intervalo (wash out) entre os períodos de suplementação. Foram coletadas amostras de sangue e de urina de 24 horas em condições basais e após cada fase de suplementação. Todos os participantes foram orientados a repetir o seu padrão de consumo alimentar dos 3 dias do período basal, durante os 2 períodos subsequentes de suplementação. Após o consumo de WP ou de albumina, a média do equivalente proteico do aparecimento de nitrogênio (PNA) foi significantemente maior (p<0,001), enquanto que as médias de excreção urinária de cálcio, fósforo, sódio, potássio, ácido úrico, citrato, oxalato, magnésio, creatinina, pH e índices de supersaturação urinária não apresentaram diferenças estatísticas em relação ao período basal. Em 39% dos indivíduos, foi observado um aumento individual maior do que 50% no cálcio urinário, e uma redução variável do pH urinário entre 44 e 67% dos indivíduos, após o consumo de WP ou albumina, respectivamente. Em um terço dos indivíduos, houve um aumento maior do que 50% no sódio urinário, após a suplementação com albumina. Em conclusão, o consumo de uma medida diária de ?whey protein? ou de albumina durante um curto período de 3 dias pelos indivíduos saudáveis, em condições de dieta controlada, não provocou alterações significantes nos valores médios dos parâmetros litogênicos. Entretanto, a ampla variação individual observada nos valores de cálcio, sódio e pH urinário, sugere a necessidade de monitorização de tais parâmetros e adequação da ingestão proteica no caso de suplementação em indivíduos litiásicos.
Keywords whey protein
albumin
stone
suplementos
albumina
nefrolitíase
whey protein
Language Portuguese
Date 2016-05-31
Published in HATTORI, Camila Mithie. Efeitos do "whey protein" e albumina sobre os fatores de risco para litíase renal. 2016. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=4698859
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48073

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account