Análise renal de ultramaratonista em prova de 75 km

Análise renal de ultramaratonista em prova de 75 km

Título alternativo Renal analysis in 75 km ultra-marathon participants
Análisis renal de corredora en la prueba de 75 kilómetros
Autor Lopes, Thiago Ribeiro Autor UNIFESP Google Scholar
Mastroianni Kirsztajn, Gianna Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To identify urinary abnormalities, indicative of renal involvement, in 75 km ultra-marathon racer and pacer (cyclist that gives support to the racer). METHODS: Renal analysis consisted of urine dipstick tests in four different times and anthropometric measures. RESULTS: Both the racer and the pacer were in eutrophic conditions. There was an association between the capacity for maximum physical effort and detection of urinary abnormalities determined by the presence of hematuria and/or proteinuria. CONCLUSION: Renal analysis allowed the identification of transitory renal involvement in both healthy individuals during intense exercise.

OBJETIVO: Identificar alteraciones urinarias compatibles con compromiso renal en una corredora y un pacer (ciclista de apoyo) a lo largo de una prueba de 75 Kilómetros. MÉTODOS: Para tal efecto, se utilizó un test de orina con cinta reactiva aplicado en cuatro tiempos diferentes, además de una evaluación antropométrica. RESULTADOS: Las medidas concernientes a la corredora la clasificaron como eutrófica, así como el pacer. Se observó que existe asociación entre los momentos de esfuerzo físico máximo y la detección de alteraciones urinarias, definidas por la presencia de hematuria y, a veces, proteinuria. CONCLUSIÓN: Fue posible demostrar la alteración transitoria en dos individuos saludables sometidos a ejercicio intenso.

OBJETIVO: Identificar alterações urinárias compatíveis com comprometimento renal em ultramaratonista e pacer (ciclista de apoio) ao longo de uma prova de 75 quilômetros. MÉTODOS: Para tal, utilizou-se teste de urina com fita reagente em quatro tempos diferentes, além de avaliação antropométrica. RESULTADOS: As medidas concernentes a ultramaratonista a classificaram como eutrófica, assim como o pacer. Observou-se, assim, associação entre os momentos de esforço físico máximo e a detecção de alterações urinárias, definidas pela presença de hematúria e, por vezes, positivação da proteinúria. CONCLUSÃO: Foi possível ilustrar alteração transitória em dois indivíduos saudáveis submetidos a exercício intenso.
Palavra-chave Sports
Exercise
Motor activity
Hematuria
Proteinuria
Kidney
Kidney diseases
Esportes
Exercício
Atividade motora
Hematúria
Proteinúria
Rim
Nefropatia
Idioma Português
Data de publicação 2009-01-01
Publicado em Acta Paulista de Enfermagem. Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), v. 22, n. spe1, p. 487-489, 2009.
ISSN 0103-2100 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 487-489
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002009000800005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000270836700005
SciELO S0103-21002009000800005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4794

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-21002009000800005-en.pdf
Tamanho: 351.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S0103-21002009000800005-pt.pdf
Tamanho: 352.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta