Avaliação dos padrões de resiliência em pacientes com epilepsia refratária do lobo temporal submetidos à córtico-amigdalohipocampectomia

Avaliação dos padrões de resiliência em pacientes com epilepsia refratária do lobo temporal submetidos à córtico-amigdalohipocampectomia

Author Brandalise, Maria Helena Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Araujo Filho, Gerardo Maria de Araujo Filho Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psiquiatria e Psicologia Médica
Abstract The objective of this study was to evaluate the patterns of resilience in patients with refractory temporal lobe epilepsy by mesial temporal sclerosis (ELT-EMT) submitted to the cortico-amigdalohipocampectomia (HAC) and with persistence of crises through a structured instrument (Quest_Resiliencia), as well as to measure the possible negative impact exercised by anxious and depressive symptoms in the development of resiliency in these patients. Methods: Sixty patients with age between 18 and 65 years, followed-up at the Outpatient Clinic of epilepsies of Federal University of Sao Paulo, with the clinical diagnosis and EEG of TLE-EMT, which had been submitted to the HAC and who had epileptic seizures at the time of the study were included in the study, after the signing of the consent form. The data collection was carried out during the period of April to July 2013. The instruments used were: clinical Questionnaire and socio-demographic, Quest_Resiliencia, Inventory of Depression Inventory (BDI) and Inventory of Trait anxiety (IDATE). Results: The present study showed satisfactory levels of resiliency to stress in patients with TLE-EMT submitted to HAC and recurrence of crises. These results indicate that patients may benefit from interventions that allow for coping with stress. However, it was observed a significant negative impact of anxious and depressive symptoms in the presence of resiliency in these patients. Conclusion: Due to the paucity of research on the patterns of resilience in patients with TLE-EMT and the high prevalence of co-morbiades psychiatric, studies that can support the development of resilience are needed in this population.

O objetivo do presente estudo foi o de avaliar os padrões de resiliência em pacientes com epilepsia refratária do lobo temporal por esclerose mesial temporal (ELT-EMT) submetidos à córtico-amigdalohipocampectomia (CAH) e com recorrência das crises através de um instrumento estruturado (Quest_Resiliência), bem como para medir os possíveis impactos negativos da ansiedade e dos sintomas depressivos no desenvolvimento da resiliência nesses pacientes. Métodos: Sessenta pacientes com idade entre 18 e 65 anos, acompanhados no Ambulatório de Epilepsias da Universidade Federal de São Paulo, com o diagnóstico clínico e eletroencefalográfico de ELT-EMT, que haviam sido submetidos à CAH e que apresentavam recorrência das crises epilépticas no momento do estudo foram incluídos, após a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. A coleta dos dados foi realizada no período de Abril a Julho de 2013. Os instrumentos utilizados foram: Questionário sócio-demográfico, Quest_Resiliência, Inventário da Depressão de Beck (BDI) e Inventário da ansiedade Traço-Estado (IDATE). Resultados: O estudo mostrou níveis satisfatórios de resiliência ao estresse em pacientes com ELT-EMT submetidos à CAH e que apresentaram recidiva de crises. Tais resultados indicam que os pacientes podem beneficia-se de intervenções que possibilitem o enfrentamento do estresse. No entanto, observou-se um importante impacto negativo dos sintomas de ansiedade e sintomas depressivos no desenvolvimento da resiliência nesses pacientes Conclusão: Em função da escassez de pesquisas sobre os padrões de resiliência em pacientes com ELT-EMT e da alta prevalência de co-morbiades psiquiátricas, os estudos que podem apoiar o desenvolvimento de resiliência são necessários nessa população.
Keywords temporal lobe epilepsy
psychology resiliency
quest
resiliencia
depression
anxiety
epilepsia do lobo temporal
psicologia
resiliência
quest_resiliência
depressão
ansiedade
Language Portuguese
Date 2015-07-31
Published in BRANDALISE, Maria Helena. Avaliação dos padrões de resiliência em pacientes com epilepsia refratária do lobo temporal submetidos à córtico-amigdalohipocampectomia. 2015. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2400106
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47935

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account