Investigação do exercício de força agudo e cronico na expressão de fatores neurotróficos e proteínas sinápticas na formação hipocampal de ratos

Investigação do exercício de força agudo e cronico na expressão de fatores neurotróficos e proteínas sinápticas na formação hipocampal de ratos

Author Baliego, Luiz Guilherme Zaccaro do Amaral Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Arida, Ricardo Mario Arida Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Neurologia - Neurociências
Abstract Introduction: The scientific literature has demonstrated the role of strength exercise in health and brain function in humans. Despite recent studies have demonstrated improvement in cognition and quality of life in humans after strength exercise, the mechanisms by which this type of exercise interferes positively in the brain is not clear. Objective: To investigate the influence of acute strength exercise (one bout of exercise) and chronic (4 weeks) on the expression of proteins involved in hippocampal plasticity. Material and Methods: Adult male Wistar rats were divided into three groups (control, CTL, acute exercise, AE; chronic exercise, CE). The AE group was submitted to one strength exercise session and the CE group submitted to 4 weeks strength training. After these interventions, the hippocampal BDNF, IGF-1, synapsin-1, synaptophysin, GAP-43 and PSD-95 expression were analyzed. Results: No significant changes of BDNF and IGF-1 expression were observed in animals from AE and CE groups. Synapsin-1 protein was increased in AE and CE groups compared to the CTL group. The other presynaptic proteins analyzed were not significantly different between groups. However, PSD-95 postsynaptic protein expression was increased in AE group compared to CTL and CE groups. Conclusion: The strength exercise was able to increase the expression of certain proteins associated with synaptic plasticity which can suggest in part the positive effect on brain plasticity observed in human studies.

Introdução: A literatura cientifica vem demonstrando o papel do exercício de força na saúde e função cerebral de humanos. Apesar de estudos recentes mostrarem uma melhora da cognição e qualidade de vida em humanos, os mecanismos pelos quais o exercício de força interfere positivamente no cérebro não está bem esclarecido. Objetivo: Verificar a influência do exercício de força agudo (uma sessão) e crônico (4 semanas) sobre a expressão de proteínas envolvidas na plasticidade hipocampal. Material e Métodos: Ratos Wistar machos adultos foram divididos em três grupos (controle, CTL; força agudo, FA; força crônico, FC), sendo o grupo FA submetido a apenas 1 sessão de exercício de força e o grupo FC submetido a 4 semanas de treinamento de força. Após essas intervenções, a expressão hipocampal das proteínas BDNF, IGF-1, sinapsina-1, sinaptofisina, GAP-43 e PSD-95 foram analisadas. Resultados: Não foram observadas alterações significativas na expressão de BDNF e IGF-1 nos animais dos grupos FA e FC. Já proteína sinapsina-1 teve sua expressão aumentada nos animais do grupo FA e FC quando comparado com o grupo CTL. As demais proteínas pré-sinápticas analisadas não apresentaram alterações significativas entre os grupos. Entretanto, a proteína pós-sinaptica PSD-95 teve sua expressão aumentada nos animais do grupo FA quando comparados com os grupos CTL e FC. Conclusão: O exercício de força (agudo e crônico) foi capaz de aumentar a expressão de algumas proteínas associadas a plasticidade sinaptica que podem explicar pelo menos em parte o efeito positivo na plasticidade cerebral observada em estudos com humanos.
Keywords strength exercise
neuroplasticity
hippocampus
igf-1
bdnf
exercício de força
neuroplasticidade
hipocampo
igf-1
bdnf
Language Portuguese
Date 2015-02-26
Published in BALIEGO, Luiz Guilherme Zaccaro do Amaral. Investigação do exercício de força agudo e cronico na expressão de fatores neurotróficos e proteínas sinápticas na formação hipocampal de ratos. 2015. 55 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 55 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3330133
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47873

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account