A liderança do enfermeiro em uti e sua relação com o ambiente de trabalho

A liderança do enfermeiro em uti e sua relação com o ambiente de trabalho

Autor Balsanelli, Alexandre Pazetto Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Cunha, Isabel Cristina Kowal Olm Cunha Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Enfermagem
Resumo Leadership is a variable that needs constant research . Understand what are the factors that interfere with its exercise constitutes a priority . Objectives: 1-) check the ideal leadership style as perceived by nurses, and the real according to a review of their subordinates; 2-) Analyze the environment of professional nursing practice recital: autonomy, control, relationships between doctors and nurses and organizational support; 3-) To correlate the variables work environment and real leadership . Method: correlational study conducted in ICU 4 , and 2 private hospitals and public hospitals 2 , the south zone of São Paulo , SP , Brazil . The sample consisted of 66 pairs (nurses and nurse technicians ) , defined by lottery . Nurses responded to three instruments : 1 - ) characterization; 2 - ) Nursing Work Index Revised version for validated ( B - NWI - R ) Portuguese and 3 - ) Grid & Nursing Leadership : ideal behavior . The nursing technicians : 1 - ) characterization and 2 - ) Grid & Nursing Leadership : actual behavior considering that the nurse raffled . Data were analyzed using descriptive statistics , the Student t test , Wilcoxon test for Indepentes samples and ANOVA with p value ? 0.05 , Results: The ICU analyzed have favorable working environment for the exercise of professional nursing practice ( overall mean = 1.95 and SD = 0.40 ) . When comparing the ICU of private and public hospitals is observed that the overall score of the B - NWI -R reached values of 1.91 ( SD = 0.39 ) and 1.99 (sd = 0.42 ) respectively with p = 0.459 . Among the observed 66 nurses , 65 ( 98.5 % ) felt that the style of leadership 9.9 was ideal. When there is real leadership , 42 ( 63.6 % ) of leaders are evaluated in a satisfactory manner , ie by 9.9 are classified as nursing technician evaluated with the confidence interval ranging from 95 % [ 50 8% ; 74.8 % ] . Eight nurses ( 12.1% ) are considered to be 9.1; nine ( 13.6 % ) is 5.5 ; six ( 9.1% ) 1.9 and only one ( 1.5 % ) is 1.1 . 's work environment did not influence the real leadership of nurses ( p value = 0.852 ) . The characteristic of the institution in which the ICU in private or public belong not be presented directly related to leadership ( p value = 0.4379 ) . Stands out , only the domain relationship between doctors and nurses , with p value = 0.00168 . Conclusion : the work environment was not a predictor of nursing leadership in the context of ICUs . Further research may be conducted to identify which interferes in exercising that power.

A liderança é uma variável que necessita de constante investigação. Entender quais são os fatores que interferem no seu exercício constitui-se uma prioridade. Objetivos: 1-) verificar o estilo de liderança ideal, segundo a percepção do enfermeiro, e o real de acordo com a avaliação de um dos seus liderados; 2-) Analisar o ambiente da prática profissional do enfermeiro considerando: autonomia, controle, relações entre médicos e enfermeiros e suporte organizacional; 3-) Correlacionar as variáveis ambiente de trabalho e liderança real. Método: Estudo correlacional realizado em 4 UTI, sendo 2 de hospitais privados e 2 de hospitais públicos, da zona sul de São Paulo,SP, Brasil. A amostra constitui-se de 66 duplas (enfermeiros e técnicos de enfermagem), definidas através de sorteio. Os enfermeiros responderam a três instrumentos: 1-) caracterização; 2-) Nursing Work Index Revised versão para a língua portuguesa validada (B-NWI-R) e 3-) Grid & Liderança em Enfermagem: comportamento ideal. Os técnicos em enfermagem: 1-) caracterização e 2-) Grid & Liderança em Enfermagem: comportamento real considerando o enfermeiro que o sorteou. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva, teste t de student, teste de Wilcoxon para amostras indepentes e ANOVA, com p valor ? 0,05, Resultados: As UTI analisadas possuem ambientes de trabalho favoráveis ao exercício da prática profissional em enfermagem (média geral= 1,95 e dp=0,40). Ao comparar as UTI dos hospitais privados e públicos observa-se que o escore geral do B-NWI-R alcançou os valores de 1,91 (dp=0,39) e 1,99 (dp=0,42) respectivamente com p=0,459. Dentre os 66 enfermeiros observados, 65 (98,5%) consideraram que o estilo 9,9 de liderança era o ideal. Quando verificou-se a liderança real, 42 (63,6%) dos líderes são avaliados de forma satisfatória, ou seja, são classificados como 9,9 pelo técnico em enfermagem que o avaliou com intervalo de confiança de 95% variando de [50,8%; 74,8%]. Oito enfermeiros (12,1%) são considerados como 9,1; nove (13,6%) são 5,5; seis (9,1%) 1,9 e apenas um (1,5%) é 1,1.O ambiente de trabalho não exerceu influência na liderança real do enfermeiro (p valor=0,852). A característica da instituição na qual pertencem as UTI em ser privada ou pública não apresentou relação direta com a liderança (p valor=0,4379). Destaca-se, apenas o domínio Relação entre Médicos e Enfermeiros, com p valor=0,00168. Conclusão: o ambiente de trabalho não foi um fator preditor da liderança do enfermeiro no contexto das UTI pesquisadas. Outras investigações científicas poderão ser conduzidas para identificar o que interfere no exercício desta competência.
Assunto nursing
leadership
intensive care units
facility environment health
enfermagem
liderança
unidades de terapia intensiva
ambiente de instituições de saúde
Idioma Português
Data 2014-04-24
Publicado em BALSANELLI, Alexandre Pazetto. A liderança do enfermeiro em uti e sua relação com o ambiente de trabalho. 2014. 137 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Linha de pesquisa Enfermagem
Área de concentração Ciências da saúde
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 137 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1612419
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47405

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)