Efeitos do laser de baixa intensidade na desmielinização induzida por cuprizona em camundongos

Efeitos do laser de baixa intensidade na desmielinização induzida por cuprizona em camundongos

Author Duarte, Katherine Chuere Nunes Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Castro, Glaucia Monteiro de Castro Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Interdisciplinar em Ciências da Saúde
Abstract Multiple sclerosis is an autoimmune, inflammatory, and demyelinating disease of the central nervous system (CNS). The inflammation, mediated by immunological attacks against myelin, leads to demyelination and, subsequently, neuron loss. The lack of an efficient therapy as treatment of demyelination has motivated the investigation of new therapeutic approaches. Studies show that laser therapy is efficient in promoting neurogenesis and modulation of inflammation in rodents? CNS. The aim of this study was to evaluate the effects of low-level laser therapy (LLLT) on cuprizone induced demyelination. We used C57BL/6 mice, randomly distributed in Control Laser, Cuprizone, and Cuprizone Laser groups. Demyelination was induced by feeding the animals with a diet including 0.2% cuprizone for four weeks. The LLLT were applied in Control Laser and Cuprizone Laser mice for three consecutive days, in the third and fourth weeks of the experiment. Motor coordination was assessed by the rotarod test. Twenty-four hours after the final laser session, the animals were euthanized to collect blood and brains. Histological analyses were carried out by immunohistochemistry and Luxol Fast Blue staining (LFB). The results showed that laser-treated animals demonstrated better motor performance. In the nervous tissue, the LLLT treatment attenuated the demyelination indicated by LFB staining and immunolabeling. Laser therapy increased the number of oligodendrocytes precursor cells (OPCs), modulated microglial and astrocytes activation, and reduced toxicity induced by cuprizone. These results suggest that low-level laser therapy was effective in motor recovery, attenuation of demyelination, modulation of inflammation, proliferation of OPCs, and toxicity control

A esclerose múltipla é uma doença autoimune, inflamatória e desmielinizante do sistema nervoso central (SNC). A inflamação mediada pelos ataques imunológicos contra a mielina leva à desmielinização e, subsequentemente, à perda neural. A falta de uma terapia eficaz no tratamento da desmielinização tem motivado a pesquisa de novos recursos terapêuticos. Estudos mostram que a terapia com laser é eficaz na promoção da neurogênese e na modulação da inflamação do SNC de roedores. O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do laser de baixa intensidade (LLLT) na desmielinização induzida por cuprizona. O estudo utilizou camundongos C57BL/6, aleatoriamente distribuídos nos grupos Controle Laser, Cuprizona e Cuprizona Laser. A desmielinização foi induzida através de 0,2% de cuprizona suplementada à dieta dos animais por 4 semanas completas. O tratamento com LLLT foi aplicado nos camundongos dos grupos Controle Laser e Cuprizona Laser por três dias consecutivos, na terceira e na quarta semanas do experimento. A coordenação motora foi analisada pelo teste rotarod. Vinte e quatro horas após a última sessão de laser, os animais foram submetidos à eutanásia para obtenção de sangue e dos cérebros. Análises histológicas foram realizadas por coloração de Luxol Fast Blue (LFB) e por imunoistoquímica. Os resultados mostraram que os animais tratados com o laser apresentaram melhor desempenho motor. No tecido nervoso, o tratamento com LLLT atenuou a desmielinização, evidenciada pela coloração de LFB e pela imunoistoquímica. A terapia com laser aumentou a proliferação de células precursoras de oligodendrócitos (OPCs), modulou a ativação de micróglia e de astrócitos e reduziu a toxicidade induzida pela cuprizona. Os resultados sugerem que o tratamento com LLLT foi eficiente na recuperação motora, na atenuação da desmielinização, na modulação da inflamação, na proliferação de OPCs e controle da toxicidade.
Keywords multiple sclerosis
cuprizone
demyelination
oligodendrocytes
myelin
low level laser therapy
esclerose múltipla
cuprizona
desmielinização
oligodendrócitos
mielina
laser terapêutico de baixa intensidade
Language Portuguese
Date 2016-03-24
Published in DUARTE, Katherine Chuere Nunes. Efeitos do laser de baixa intensidade na desmielinização induzida por cuprizona em camundongos. 2016. 86 f. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Santos, 2016.
Research area Interdisciplinar
Knowledge area Multidisciplinar
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 86 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3657922
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47322

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account